Os amantes do futebol espanhol ganharam mais uma opção de plataforma para acompanhar a disputa da Copa do Rei desta temporada: o YouTube. Na manhã desta terça-feira, representadas por seus respectivos presidentes, La Liga e Mediapro, dona dos direitos televisivos da competição, anunciaram o acordo com o site para a transmissão dos jogos do torneio nesta temporada. O serviço oficial, é claro, terá um custo, um tanto quanto salgado considerando as circunstâncias.

VEJA TAMBÉM: Ainda sem Messi, foi dia de Suárez fazer a diferença para o Barcelona

Cada jogo avulso poderá ser comprado por € 4,99 (R$ 21,50 na cotação atual), e o passe para toda a temporada custará  € 19,99 (R$ 86,13). Entretanto, o pacote da competição completa não incluirá a final, e não anunciaram se eventualmente a decisão do torneio seria vendida separadamente no próprio YouTube.

O canal em que as partidas serão transmitidas já está no ar e se chama La Liga TV Copa. Já nesta quarta-feira, o confronto entre Barcelona e Villanovense será o primeiro jogo a ser transmitido pelo novo serviço. A opção de compra estará disponível para um número limitado de países, entre eles o Brasil, mas os planos são de expandir para outras nações. Na América do Sul, além dos brasileiros, os argentinos poderão comprar as partidas; na Europa, os jogos estarão disponíveis para Reino Unido, Irlanda, Itália, Bélgica, Holanda, Portugal, Rússia, Hungria, Eslováquia, Eslovênia, Macedônia, Ucrânia, Suíça e Grécia. Já na Ásia, Japão, Coreia do Sul e Hong Kong terão acesso ao serviço.

Presidente de La Liga, Javier Tebas vê a novidade como uma forma de estreitar os laços com torcedores de todo o mundo: “Graças a esta parceira, abrimos uma nova janela para ver o futebol a nível mundial e chegaremos a dois bilhões de telespectadores.  Esta iniciativa nos aproxima de torcedores de todo o planeta e dá a La Liga maior difusão, porque nos permitirá oferecer o máximo que um seguidor quer: ver uma partida ao vivo e participar nos entornos digitais”.

Só faltou avisarem para ele que, em meio a tantas opções gratuitas de acompanhar o jogo, as pessoas podem até estar dispostas a pagar pelo serviço oficial, pela maior qualidade e estabilidade, mas não por um preço tão salgado e em um pacote que não inclui a partida mais importante, do torneio, a final. De qualquer forma, é legal ver grandes centros do futebol buscando expandir as alternativas de transmissão de seus torneios.