Você pode não concordar com todas as posturas políticas de Romário. Mas é preciso reconhecer: o Baixinho manteve sua coerência no discurso contra a CBF. Embora tenha participado da candidatura do Brasil à Copa de 2014, o atual senador pediu investigações dentro da confederação e também no comitê organizador do Mundial. Além disso, também denunciou os desmandos e fez discursos críticos à postura dos comandantes do futebol brasileiro. Para poder aplaudir o estouro do escândalo nesta quarta-feira.

VEJA TAMBÉM: Entenda por que os Estados Unidos foram responsáveis pela prisão de dirigentes da Fifa

Romário aproveitou o momento para discursar sobre o caso no Congresso Nacional. Mais uma vez, não teve pudores para usar palavras pesadas contra Marco Polo Del Nero e José Maria Marin. Além disso, aproveitou a ocasião, uma audiência pública para discutir a situação do futebol feminino, para apontar a negligência da CBF em relação a sua verdadeira missão: cuidar do futebol e de seu desenvolvimento. Abaixo, o início das declarações de Romário no Senado, que podem ser conferidas no vídeo em sequência (clique na imagem para conferir):

“Autoridades da Suíça deram uma batida hoje em um ninho de ratos e prenderam várias autoridades do futebol mundial. Todos acusados de participar de um esquema de corrupção que já dura 20 anos e movimentou US$ 100 milhões. A ordem de prisão foi da polícia dos Estados Unidos, todos serão extraditados para o país americano.

Muitos dos corruptos e ladrões que fazem mal ao futebol foram presos. Inclusive um dos maiores do país, que se chama José Maria Marin. Um dos ratos que venho denunciando há muito tempo. Esta foi a pessoa que ao lado da presidente Dilma recebeu chefes de Estado em plena Copa do Mundo do futebol.

Essa operação poderia ter sido realizada aqui, já no ano passado, porque assim emendaríamos a vergonha dos campos com a vergonha da corrupção. Mas certamente o aparato de segurança aqui deve ter sido muito grande. Na Suíça, um país de primeiro mundo, em um hotel com vista para os Alpes Suíços, eles deveriam estar confortáveis e despreocupados. Infelizmente não foi a nossa polícia que prendeu, mas alguém tinha que fazer um dia. Então, parabéns ao FBI e a polícia Suíça”.

image (1)

 

LEIA MAIS SOBRE O FIFAGATE:

– Quem são os “co-conspiradores” na investigação do FBI sobre corrupção na Fifa
– De dono do futebol brasileiro a delator: a ascensão e queda de J. Hawilla
– [Vídeo] Romário: “Muitos dos corruptos e ladrões que fazem mal ao futebol foram presos”
– Entenda por que os Estados Unidos foram responsáveis pela prisão de dirigentes da Fifa
– Veja quem são os cartolas presos na Suíça. José Maria Marin está entre eles
– Patrocinadores da Copa 2022 têm seus logos recriados para criticar apoio ao trabalho escravo
– Entenda por que o relatório da Fifa que inocentou a candidatura do Catar-2022 é cara de pau
– O que a confusão nos direitos de TV da Copa nos EUA diz sobre a mudança da Copa-2022