O atacante Robin van Persie chegou ao centésimo gol com a camisa do Arsenal neste sábado, na vitória dos Gunners sobre o Bolton por 3 a 0 no estádio Emirates. O técnico Arsène Wenger comparou o posicionamento do seu camisa 10 com o melhor do mundo, Lionel Messi.

“Eu vejo similaridades no posicionamento com Messi. Ele vem em profundidade, ele gosta de aparecer na frente também”, afirmou Wenger. Depois de inicar a carreira atuando mais como ponta, Van Persie se adaptou a jogar como homem mais avançado do ataque.

Wenger considera que Messi e Van persie possuem características parecidos.”Assim como Messi, ele não joga como um centroavente, mas quando você olha o seu movimento ao redor da área, ele é muito inteligente e faz arrancadas diagonais”, contou o técnico. “Eu sempre penso que o seu primeiro toque foi tão bom que ele pode fazer a diferença mesmo em um espaço pequeno”, analisou.

“Ele amadureceu desde o garoto que era emocionalmente impulsivo ao rapaz que ele é hoje. Isso era difícil de prever. Mas ele é inteligente, fala o que pensa e você pode falar com ele também. Ele ouve conselhos e desenvolveu muito bem no geral”, disse ainda Wenger.

Aos 28 anos, Van Persie é considerado um dos principais nomes do Arsenal, além de ter se tornado o capitão do time. Com contrato até junho de 2013, o holandês já é especulado para deixar o time, mas Wenger não se preocupa com isso.

“Se você estiver no lugar de Robin e ver [Samir] Nasri saindo, [Cesc] Fàbregas saindo, então você pode ficar preocupado, claro”, afirmou o técnico. “Mas se ele irá sair? Não, eu acho que realmente não. “Robin não é de Barcelona”, alfinetou Wenger.