A Inglaterra poderá continuar a desfrutar da loucura e genialidade de Marcelo Bielsa na Championship, a segunda divisão local. O Leeds United confirmou que o argentino permanecerá por mais uma temporada, com uma segunda tentativa de levar o clube de volta à primeira divisão. O bom desempenho do clube ao longo da temporada, ainda que com final decepcionante, empolgou os torcedores. Bielsa se tornou ídolo na cidade e sua permanência também atende o desejo destes torcedores – que estavam acostumados a sequer irem para os playoffs antes da chegada do treinador.

Segundo o dono do Leeds, Andrea Radrizzani, Bielsa tem “negócios inacabados” no Elland Road depois do Leeds ter se aproximado do acesso à Premier League. Torcedores temiam que o treinador pudesse deixar o clube depois da derrota por 4 a 3 para o Derby na semifinal do playoffs da Championship. O Derby avançou, mas acabou derrotado pelo Aston Villa na final e é o clube de Birmingham. Apesar disso, o técnico disse, depois do jogo da eliminação, disse que consideraria uma proposta para ficar, mas não deu garantias.

“Nós estávamos perto e na próxima temporada nós iremos trabalhar duro para atingir esse objetivo”, afirmou Radrizzani, segundo o site oficial do Leeds. “Então, vamos ter outra chance. Eu estou satisfeito que Marcelo concordou em ficar por outro ano – nós temos negócios inacabados”.

A temporada de Bielsa na Inglaterra teve grandes momentos. Desde a sua apresentação, em junho, Bielsa chama a atenção. O Leeds vinha de temporadas bem medianas antes da sua contratação e tentava alfo diferente. Desde que subiu da League One (terceira divisão) para a Championship, em 2010/11, a melhor posição do time foi sétimo lugar duas vezes, em 2010/11 e 2016/17. Por isso, a campanha que acabou no terceiro lugar desta vez foi muito celebrada, até porque o time, em campo, jogou muito mais futebol do que a torcida estava acostumada a ver.

“Durante a temporada de estreia de Marcelo no futebol inglês, o time conquistou um total de 83 pontos – o maior número de pontos desde a promoção da League One na temporada 2009/10, jogando um tipo de futebol atrativo que ajudou Bielsa a se tornar uma figura popular entre os torcedores”, diz o comunicado divulgado pelo Leeds.

Anúncio de Bielsa que continua no Leeds (Foto: reprodução/Leeds)

As entrevistas de Bielsa chamaram a atenção. O treinador não fala bem o inglês e, por isso, estava sempre com um tradutor. Na sua primeira vitória, sua entrevista foi curiosa e hilária ao mesmo tempo. Ele continuou a chamar a atenção, tanto pelo trabalho em campo, com o Leeds conquistando muitos pontos e sendo líder em boa parte da temporada, como pelas entrevistas, como foi quando ele corrigiu o repórter que disse que ele “sabe como ganhar títulos” – e ele disse que tinha poucos títulos na carreira.

Teve também polêmica. O episódio da espionagem irritou um técnico adversário, Frank Lampard. Bielsa disse que sempre faz isso e que nem precisava fazer. Outros treinadores, como o badalado Pep Guardiola, disseram que a observação de adversários assim é muito comum. A polêmica levou a uma multa que o próprio treinador argentino fez questão de pagar do bolso. Foi curioso também a forma como Bielsa explicou o episódio de espionagem – foi basicamente uma aula sobre seus métodos.

Um outro episódio marcante foi já no final da temporada, no duelo com o Aston Villa. Depois de um gol marcado em um lance que o adversário esperava Fair Play, Marcelo Bielsa mandou o seu time abrir para que o adversário empatasse. E falou de forma enfática – ainda que tenha jogadores, especialmente um, que não aceitou bem. A campanha acabou com a derrota em casa para o Derby de Lampard, aquele que reclamou da espionagem.

“Os jogadores me deixaram muito orgulhoso a cada semana e todos os funcionários foram além a cada dia para garantir que nós somos um clube bem dirigido no coração da comunicade”, afirma Radrizzani. “Uma menção especial para nossa categoria de base e suas conquistas nos últimos dois anos, a qualidade do talento criado em casa que nós vimos nesta temporada é fora de série. Finalmente, o apoio dos nossos torcedores foi o melhor do país mais uma vez”.

Segundo o próprio Leeds comunicou, Bielsa assinou um contrato com validade de dois anos em junho de 2018, com a opção do clube de continuar ou encerrar o contrato depois do primeiro ano. Bielsa é o treinador mais bem pago da Championship com salários de 2 milhões de libras por temporada.

Mais uma vez, o Leeds terá que montar um time sem gastar muito, segundo informou Radrizzani. Os gastos do clube serão limitados no mercado de transferências para que o Leeds fique dentro das regras do Fair Play Financeiro – não o da Uefa, mas o da própria liga.

No final do comunicado do clube, uma linha que resume bem a passagem de Bielsa pelo time, que continua: “Vamos Leeds Carajo”.