A disputa pelo título da Premier League vai chegando em seus capítulos finais e o Manchester United é que tem a vantagem na disputa. Com cinco pontos a mais que o rival e segundo colocado Manchester City, o adversário dos Red Devils será o Aston Villa, 15º colocado na tabela. Se o United teve cinco vitórias antes da derrota na quarta-feira, o Aston Villa só teve uma vitória nos últimos cinco jogos, sendo dois empates e duas derrotas.

Alex Ferguson deve escalar Paul Scholes no meio-campo. Em cada um dos nove jogos que o meia iniciou, o time venceu. Rafael deve jogar na lateral direita, enquanto Rio Ferdinand volta à zaga. No mais, o time deve confiar na boa fase de Wayne Rooney, decisivo na maioria dos últimos jogos. No Aston Villa, Andreas Weimann e Gabriel Agbonlahor formam a dupla perigosa de ataque do time, que tentará bater o rival em casa.

O Manchester City terá pela frente o Norwich, uma surpresa da temporada, fora de casa. Os canários estão em nono lugar, apesar de tgerem vindo da segunda divisão, e tentarão surpreender o farto elenco dos Citizens.

Carlos Tevez pode voltar a jogar como titular ao lado de Sergio Agüero. David Silva deve ser titular, mas Samir Nasri é dúvida. Ele pode começar, o que faria Tevez ir para o banco. Edin Dzeko é o favorito para ser a referência no ataque, mas Mancini pode optar por manter mais meias e jogar com Tevez e Agüero mais avançados. No Norwich, Grant Holt e Steve Morison devem formar a dupla de frente, com Anthony Pilkington como um dos jogadores mais perigosos do time.

Na Copa da Inglaterra, dérbis em Wembley

Liverpool e Everton fazem o clássico da cidade dos Beatles neste sábado, pela semifinal da FA Cup, a Copa da Inglaterra. O jogo será disputado em Wembley, palco também da outra semifinal, no domingo, entre os londrinos Chelsea e Tottenham.

O principal problema dos Reds para o dérbi de Merseyside é no gol, que não tem Pepe Reina nem Doni, machucado e suspenso, respectivamente. Brad Jones assume o posto. A dúvida é se Andy Carroll joga no ataque ou entra Jordan Henderson. Stwart Downing, Steven Gerrard, Jay Spearing e Dirk Kuyt, além de Luis Suárez.

No Everton, o time espera aproveitar a boa fase do contratado Nikita Jelavic, que terá a companhia de Tim Cahill no ataque. Maourane Fellaini deve formar o meio-campo com Darren Gibson, completado por Steven Pienaar e Leon Osman.

No Tottenham, Harry Redknapp tem problemas para escalar sua zaga. Ledley King e Ryan Nelsen podem formar a dupla, já que Youanes Kaboul está machucado e pode não se recuperar a tempo. Rafael van der Vaart deve voltar ao time titular, com Emmanuel Adebayor mais à frente.

O Chelsea deve ter uma tropa de elite para o jogo, com Didier Drogba, Frank Lampard, Juan Mata e o zagueiro e capitão John Terry.  O time deve estar muito preocupado com o jogo contra o Barcelona, três dias depois, e tentará evitar prorrogação. Até para ter jogadores descansados no jogo de ida da semifinal da Liga dos Campeões.

Confira os jogos da 34ª rodada da Premier League:

Sábado, 14/abr
Norwich x Manchester City
Sunderland x Wolverhampton
Swansea x Blackburn
West Bromwich x Queens Park Rangers

Domingo, 15/abr
Manchester United x Aston Villa

Segunda, 16/abr
Arsenal x Wigan