O futebol desperta paixões às vezes tão profundas que uma mulher se sentiu impelida a interromper uma entrevista coletiva de Jürgen Klopp declarar sua paixão pelo Borussia Dortmund e, em especial, pelo treinador do clube, que havia acabado de vencer o St. Pauli por 3 a 0 pela Copa da Alemanha.

LEIA MAIS: Em tempos de discriminação no Brasil, a torcida do Dortmund nos dá uma aula sobre respeito

Digamos que a fase do Dortmund, em 15º lugar no Campeonato Alemão, apenas um acima da zona de rebaixamento, não é muito boa, mas Klopp pode sempre contar com o apoio dessa mulher de aproximadamente 50 anos, que apareceu na entrevista usando um avental estilizado com as cores do time.

Ela fez questão de expressar que os torcedores estão com Klopp, independente dos resultados recentes ruins. O técnico não consegue deixar de esboçar um sorriso e ficou bem envergonhado (o que não é muito fácil). Depois, ele disse que “se declarações desse tipo são necessárias, é porque o time afetamos bastante o torcedor”.

Você também pode se interessar por: 

>>>> Mesmo com o time mal, a torcida do Dortmund acha motivação para uma grande causa