O Fenerbahçe ainda tenta se recuperar da péssima campanha no Campeonato Turco. Os Canários investiram em reforços e começam a reagir na competição, embora os riscos de rebaixamento permaneçam. Com duas vitórias nas últimas três rodadas, o time saltou ao 14° lugar, mas permanece apenas um ponto acima do Z-3. Enquanto tenta se livrar do pesadelo na Süper Lig, o Fener ao menos ganha o direito de sonhar na Liga Europa. E a torcida presente no Sükrü Saraçoglu nesta terça teve o gosto de comemorar algo. Apesar do favoritismo do Zenit, os turcos conquistaram a vitória por 1 a 0 em Istambul. Ótima vantagem no duelo válido pelos 16-avos de final do torneio continental.

Dominando o primeiro tempo, o Fenerbahçe garantiu a vitória aos 21 minutos. Escanteio cobrado por Mathieu Valbuena, que Victor Moses desviou na primeira trave. Na risca da pequena área, Islam Slimani não perdoou. Ainda assim, os Canários dependeram de outro herói, pouco antes do intervalo. A arbitragem marcou um pênalti para o Zenit e Robert Mak partiu à cobrança. O eslovaco mirou o canto, colocado, mas o goleiro Harun Tekin acertou o lado e fez uma excelente defesa. Com uma só mão espalmou a bola, antes que ela tocasse no travessão e voltasse com o camisa 35. Já na segunda etapa, os russos tiveram mais iniciativa e equilibraram o confronto, sem conseguir alterar o placar.

 

Após uma boa campanha na fase de grupos, o Zenit parecia mais forte à sequência da Liga Europa. Aproveitou a venda de Leandro Paredes para reforçar todos os setores do time e possui vários jogadores capacitados. Terá que provar esta força agora em São Petersburgo, após o tropeço em Istambul. Pelas perspectivas do Fenerbahçe a esta altura da temporada, o torneio continental se transforma na grande oportunidade a agarrar.