Em comunicado publicado em seu site oficial nesta quinta-feira (24), a Uefa confirmou a decisão de permitir a utilização de até cinco substitutos por jogo em partidas de suas competições, seja de seleções ou de clubes.

Como se sabe, desde o retorno do futebol após a paralisação causada pela pandemia do Coronavírus, a Fifa sugeriu, e a IFAB permitiu, que as equipes pudessem fazer até cinco alterações em uma só partida (ao longo de, no máximo, três pausas no jogo), de forma a mitigar os efeitos físicos de calendários extenuantes consequentes da parada.

A decisão da Uefa significa que partidas de Liga das Nações, Eliminatórias para a Eurocopa, Eliminatórias para a Euro Feminina, Champions League, Liga Europa e Champions League Feminina poderão ter até cinco substituições.

A emenda à regra das substituições não é uma imposição, mas, sim, uma possibilidade, cabendo às competições determinarem se ela seria adotada ou não. Para a reta final da temporada passada, todas as grandes ligas europeias aprovaram a alteração. Nesta nova temporada, no entanto, a Premier League decidiu voltar para as três substituições.

Em outro anúncio presente no mesmo comunicado, a Uefa, por meio de seu comitê executivo e em acordo com a Associação de Clubes Europeus e a associação de ligas europeias, determinou que as datas Fifa de março e setembro de 2021 terão três jornadas cada, ou seja, uma partida a mais para cada seleção.

A decisão foi tomada para recuperar datas perdidas devido ao cancelamento dos jogos de março deste ano e do adiamento da Euro 2020 para 2021. A mesma permissão havia sido dada em junho deste ano, em referência às datas Fifa de outubro e novembro de 2020.

O calendário Fifa da Uefa a partir de 2021, portanto, ficou assim:

22 a 31 de março de 2021: três datas

31 de maio a 8 de junho de 2021: Amistosos de preparação para a Eurocopa

30 de agosto a 8 de setembro de 2021: três datas

4 a 12 de outubro de 2021: duas datas

8 a 16 de novembro de 2021: duas datas

21 a 29 de março de 2022: duas datas para playoffs das Eliminatórias da Euro