A decisão do Superclássico das Américas entre Argentina e Brasil, que estava marcada para esta quarta-feira, não aconteceu. Um problema na iluminação do Estádio Centenário, na cidade de Resistencia, foi a causa do cancelamento da partida.

As duas equipes esperaram por quase uma hora para que o problema fosse resolvido. Como isso não aconteceu, o árbitro chileno Enrique Osses determinou, em comum acordo entre as equipes, o cancelamento.

Ainda não há a previsão para uma nova data do jogo, que dificilmente será realizado. O diretor de seleções da CBF, Andrés Sánchez, disse em entrevista à Rede Globo que o calendário brasileiro já está muito apertado, e não há como encontrar uma data para a partida. Com o impasse, o troféu do Superclássico ainda não tem dono.