O Triibuanl Arbitral dos Esportes (TAS) decidiu nesta terça diminuir a pena imposta a Abel Xavier. O jogador teve reduzida de 18 para 12 meses a suspensão por ter sido flagrado em um exame antidoping. Com isso, ele estará apto para voltar aos gramados em setembro.

O jogador utilizou metandienona, um tipo de esteróide anabolizante, na partida entre Middlesbrough, clube que defendia na época, e Xanthi, pela Copa Uefa em 2005. Abel Xavier já cumpriu dez meses de punição. O Boro havia encerrado o contrato do jogador em janeiro.

Com a redução da pena, o defensor português já faz planos para o futuro. Em entrevista coletiva, Abel Xavier garantiu que está em negociações com uma equipe. “Tenho um pré-acordo com um clube que disputará a pré-eliminatória da Liga dos Campeões. Por uma questão de respeito, não vou revelar qual é, nem o país”, disse.