Os Países Baixos terminaram a campanha nas Eliminatórias da Eurocopa com um desfile de classe do seu capitão. O capitão, no caso, não foi o habitual. Virgil Van Dijk ficou fora do jogo, então quem vestiu a braçadeira foi Georginio Wijnaldum. Nesta terça-feira, o time venceu a Estônia por 5 a 0, com direito a três gols do jogador do Liverpool.

Wijnaldum já tinha sido personagem na segunda-feira, em uma coletiva de imprensa. Ele pediu multas pesadas contra episódios de racismo e, além disso, se sentiu atingido, pessoalmente, por um caso acontecido no fim de semana. Em campo, foi muito bem e foi ele que abriu o placar aos seis minutos de jogo, em uma cabeçada depois de cruzamento de Quincy Promes. E comemorou junto com Frenkie De Jong, mostrando o braço e a cor de pele dos dois. Um gesto pela igualdade.

“Normalmente você diz: eu quero deixar isso para trás. Mas eu não quero isso. Eu quero uma mudança. Há um problema no mundo. Eu espero que nós, como neerlandeses, possamos combater isso para que não aconteça mais aqui. Nós iremos olhar à frente para isso”.

Nathan Aké, zagueiro, aumentou o placar para os neerlandeses com uma cabeçada, aos 18 minutos. Wijnaldum marcou o terceiro, aos 21 e o quarto, aos 33 do segundo tempo. Myron Boadu fechou a conta já aos 42 minutos: 5 a 0 para a Holanda.

Destaque para as boas atuações de Calvin Stengs, 20 anos, do AZ, que foi muito bem em campo com duas assistências, além de Myron Boadu, 18 anos, outro jogador do AZ, que entrou no segundo tempo e foi bem com um gol.

“Eu apenas fiz o meu trabalho. Eu trabalho duro e tentei deixar o mais confortável possível para o meu time. Eu usei a minha qualidade e eu estou feliz em marcar três gols e feliz que outros jogadores marcaram e deram assistências. Stengs deu duas assistências, Boadu fez um gol, então eu acho que eles foram muito bem. Nós esperamos continuar crescendo”, afirmou o meio-campista.

“Nós estamos todos satisfeitos. Foi estranho não ver os Países Baixos em um grande torneio e para nós, como jogadores, ao não se classificar. Foram anos difíceis,   mas nós estamos bem desde que o novo técnico chegou. Nós temos que garantir que estamos prontos para jogar contra os times na Europa e crescer durante o torneio”, continuou o jogador.

Países Baixos termina com 19 pontos, dois pontos atrás da Alemanha, que fechou com 21. Os alemães ficaram com uma vitória a mais que os holandeses. A Alemanha vai para o pote 1, como cabeça de chave, enquanto a Holanda entra no porte 2. O sorteio será realizado no dia 30 de novembro, em Bucareste. Ainda teremos quatro seleções definidas via playoff, a ser jogado em março.

Classificações Sofascore Resultados