Tottenham paga caro por erros, cede empate ao PSV e situação fica complicada na Champions

Depois de ver gol anulado injustamente e virar o jogo, Spurs ficam com um a menos e cedem empate

O Tottenham saiu de campo com a sensação que poderia ter feito mais contra o PSV. Jogando em Eindhoven, na Holanda, os ingleses jogaram mais futebol, mas os erros defensivos dos Spurs e um erro de arbitragem fizeram com que o placar ficasse mesmo em 2 a 2. E olha que o time visitante saiu atrás e conseguiu a virada, mas depois de perder um jogador expulso, não conseguiu segurar o resultado. Com o resultado, a situação fica bastante complicada para os dois times, que ficam com um ponto depois de três jogos.

LEIA TAMBÉM: Champions na Trivela #1: assista ao vivo nosso programa pós-rodada da Champions League às 19h

O primeiro gol saiu para os mandantes. O zagueiro Toby Alderweireld falhou, Hirving Lozano aproveitou, tomou a bola, avançou até o meio da área e chutou. A bola desviou em Alderweireld, subiu e encobriu o goleiro Hugo Lloris: 1 a 0, aos 30 minutos.

O Tottenham apertou para tentar o empate. E a arbitragem atrapalhou. Aos 34 minutos, após um bate e rebate na área, o zagueiro Sánchez chutou para marcar o gol, mas a arbitragem anulou por impedimento de Harry Kane. O problema é que a arbitragem errou: Kane de fato estava impedido, mas sequer participa do lance. O chute de Sánchez não é desviado e nem Kane se projeta para a bola.

Alguns minutos depois, porém, não teve jeito. Aos 39 minutos, depois de uma ótima jogada com Erikssen achando Trippier na direita, o lateral cruzou e Lucas Moura finalizar. A bola ainda desviou na defesa antes de entrar: empate dos Spurs, 1 a 1. A essa altura do jogo, o Tottenham já era superior e não só ficava mais com a bola, como pressionava para tentar a virada.

O segundo gol do time inglês só veio no segundo tempo. Aos nove minutos do segundo tempo, Son tabelou com Erikssen, que cruzou perfeitamente de pé esquerdo na cabeça de Harry Kane, na pequena área, cabecear para marcar: 2 a 1. Chutando de longe e tentando chegar ao ataque com frequência, o Tottenham seguia melhor depois do gol.

Em um novo cruzamento, desta vez de Trippier em cobrança de falta pela esquerda, Kane ganhou da marcação pelo alto e cabeceou bem para o gol, mas o goleiro Zoet impediu o segundo gol do centroavante no jogo. Tudo parecia muito controlado para o Tottenham, mas as coisas mudariam na parte final do jogo.

Em um contra-ataque originado de um passe errado de Erikssen, o atacante Lozano saiu na cara do gol, Lloris saiu desesperado do gol e fez falta dura no atacante do PSV, aos 34 minutos. O árbitro Slavko Vinicic não teve dúvidas: mostrou o cartão vermelho para o goleiro. O técnico do Tottenham, Mauricio Pochettino, substituiu então o atacante Son pelo goleiro Michel Vorm.

Na cobrança de falta, De Jong cobrou a falta no canto do goleiro, mas Vorm defendeu. O jogo, então, melhorou para os holandeses, que sequer tinham acertado um chute na direção do gol até então. Apareceria uma chance para o PSV, que tentava pressionar como podia.

Cobrança de falta pelo lado esquerdo e Lozano jogou a bola para a área. A defesa do Tottenham cortou o cruzamento, mas a bola sobrou para Pereiro, de fora da área. Parecia que ele encheria o pé, mas errou a bola, que saiu torta e encontrou De Jong no meio do caminho. O camisa 9 só desviou para o gol, empatando o jogo: 2 a 2, aos 42 minutos.

No final do jogo, os dois times passaram a ter chances em uma correria maluca. O PSV tentando pegar o Tottenham nos contra-ataques, enquanto o time de Pochettino tentava pressionar. E teve uma boa chance com Kane, que recebeu cruzamento, dominou no peito e chutou por cima. O lance acabou anulado por impedimento. O jogo acabou mesmo empatado em 2 a 2.

Com o resultado, tanto Tottenham quanto PSV ficam com uma missão duríssima para sonharem com a classificação. Com um ponto em três jogos, os dois times voltarão a se enfrentar pela Champions League, desta vez em Londres, precisando de uma vitória com urgência. Aliás, os dois times, se quiserem se classificar, terão que vencer ao menos dois jogos. Teremos momentos dramáticos nas próximas rodadas deste grupo B. A próxima rodada é no dia 6 de novembro.