A seca continental do Cerro Porteño sempre é motivo de zoeira no Superclássico do Paraguai. Afinal, mesmo sendo um dos clubes com mais presenças na Libertadores e afins, o Ciclón nunca sequer chegou a uma final sul-americana. Enquanto isso, o Olimpia desfruta de uma hegemonia notável. E o ‘Rey de Copas’ faz questão de esfregar isso na cara dos rivais. Neste domingo, os dois se enfrentaram no Defensores del Chaco, pelo Campeonato Paraguaio. Os alvinegros foram à desforra com um torcedor fantasiado de rei, além de réplicas das três taças da Libertadores.

A referência é óbvia: no momento em que o Cerro sonha com a conquista da Copa Sul-Americana, enfrentando o Atlético Nacional nas semifinais, o Olimpia desfila o tricampeonato da principal competição. E, dentro de campo, os franjeados também se deram melhor. Venceram o jogo por 4 a 2. Richard Ortiz foi o destaque, com dois gols. Vice-líder do Campeonato Paraguaio, o Olimpia aparece quatro pontos atrás do Guaraní. Já o Cerro Porteño é apenas o quinto colocado.

olimpia

https://www.youtube.com/watch?v=n3p7V2Wz5oE