A desclassificação de Camarões para a Copa causou problemas para Pierre Wome. Jovens invadiram a casa do jogador no sábado, em Yaoundé, capital do país. Eles quebraram o carro de Wome e, não contentes, atacaram o salão de cabeleireiro da irmã dele. Ninguém da família ficou ferido.

Um membro do ministério dos esportes camaronês afirmou que Wome foi para o aeroporto dentro de um carro da polícia. Apesar da proteção, o veículo sofreu danos por conta da revolta da população.

Camarões foi eliminado com um empate por 1 a 1 em casa contra o Egito, no sábado. No final da partida, Wome teve a chance de dar a vitória aos Leões Indomáveis, mas chutou um pênalti na trave. Com isso, a vaga ficou para Costa do Marfim.

Outros atos de vandalismo se espalharam por Camarões após o jogo, sobretudo a destruição de veículos.


Os comentários estão desativados.