Tobin Heath acertou um belo chute, e o Manchester United saiu de 0 x 2 para empatar o dérbi contra o City

O Manchester United chegou a estar perdendo por 2 a 0 para o Manchester City, no intervalo da sétima rodada da Superliga Feminina, mas uma impressionante reviravolta valeu o empate por 2 a 2 ao líder provisório da competição – que ainda poderia ter vencido não fosse uma bola cortada em cima da linha nos minutos finais.

O United, inexplicavelmente, sequer tinha um time feminino até 2018. Conseguiu o acesso à elite da modalidade como campeão em sua primeira temporada e estava na parte de cima da tabela, embora longe dos líderes, quando a Superliga anterior foi interrompida pela pandemia de coronavírus.

Treinado por Casey Stone e com nomes como Tobin Heath e Christian Press, campeãs do mundo pelos Estados Unidos, o clube tem impressionado neste começo de temporada, com cinco vitórias e, agora, seu segundo empate contra um dos times mais fortes do país.

O City, com estrelas em todos os cantos (Steph Houghton, Alex Greenwood, Ellen White e Rose Lavelle, que nem saiu do banco de reservas), dominou o primeiro tempo e poderia até ter feito mais do que 2 a 0. Aos nove minutos, Chloe Kelly conseguiu um toque esperto dentro da área para matar uma jogada que seguiu viva muito mais tempo do que deveria. Laura Coombs ampliou, pouco antes do intervalo, com um belo chute da entrada da área.

.

 

O segundo tempo foi bastante diferente. O United rapidamente descontou. A pressão no campo de ataque forçou um erro incomum de Lucy Bronze, convertido em um bonito gol por Tobin Heath. Em cobrança de escanteio, Kirsty Hanson conseguiu o empate.

 

.

O United, com 17 pontos em sete partidas, quase conseguiu a virada no finalzinho, em outro escanteio. Lucy Staniforth cabeceou, mas Demi Stokes cortou em cima da linha, e Janine Beckie afastou de vez.

O Arsenal é o segundo colocado, com 15 pontos em seis jogos, e enfrenta o Chelsea – 13 pontos em cinco partidas – no próximo domingo. O Everton está em quarto, um ponto à frente do City.

.

.