O treinador da Bélgica, Geoarge Leekens, surpreendeu ao pedir demissão do cargo para assumir o Club Brugge a partir da próxima temporada. O treinador sequer fará a próxima convocação da seleção, nesta terça, abandonando o posto imediatamente.

Leekens irá substituir Christoph Daum, que anunciou a sua saída do clube durante a semana, e assina contrato por três temporadas. Será a segunda passagem do experiente treinador pelo clube – dirigiu o clube entre 1989 e 1991.

 

“Leekens tem um coração azul e preto. Como jogador, ganhou cinco títulos e jogou duas Eurocopas. Como técnico, levou o time ao título nacional e da Copa”, diz comunicado do Club Brugge. 


Os comentários estão desativados.