A tarde deste sábado (17) em Vigo foi uruguaia. Visitando o Celta, o Atlético de Madrid pôs fim a uma sequência de dois tropeços em La Liga ao vencer os donos da casa por 2 a 0, em partida marcada por gol de Luis Suárez e pela boa estreia de Lucas Torreira no meio de campo.

De olho no duelo com o Bayern de Munique na próxima quarta-feira (21), Diego Simeone rodou o elenco para o jogo desta quarta rodada de La Liga. Thomas Lemar foi titular pela primeira vez na temporada, enquanto Torreira ganhou sua estreia. Diego Costa foi preferido a João Félix, que entraria mais tarde, no segundo tempo, enquanto na defesa Felipe e Renan Lodi, que tiveram viagem longa após compromissos com a seleção brasileira, foram poupados, com o segundo ficando fora mesmo do banco de reservas.

Logo aos seis minutos, o Atleti abriu o placar com Luis Suárez após ótima jogada coletiva, de troca de passes rápidos pelo lado esquerdo do campo. Quando a bola chegou ao uruguaio, após passe do jovem lateral Manu Sánchez, uma finalização simples bastou para o 1 a 0.

O Celta tentou responder logo com Iago Aspas, em jogada individual, mas parou em boa defesa de Jan Oblak. Na metade do primeiro tempo, Sergio Carreira ainda acertou a trave, ameaçando a vitória do Atleti, que viu seu goleiro mais uma vez fazer a diferença antes do intervalo em finalização de Santi Mina.

No segundo tempo, os Colchoneros dominaram mais o duelo e jogaram para reter a vitória magra. Por fim, chegariam ao segundo gol para assegurar o triunfo já nos acréscimos da etapa final.

João Félix, que entrara aos cinco minutos do segundo tempo no lugar de Diego Costa, lesionado, fez excelente jogada pela direita, passou de cavadinha para um companheiro na entrada da área, recebeu de volta e bateu com força, acertando a trave. No rebote, Yannick Carrasco apareceu para completar de cabeça e fazer o 2 a 0.

Depois da excelente primeira impressão deixada na rodada de abertura de La Liga, em que goleou o Granada por 6 a 1 com dois gols de Suárez, o Atleti empatou sem gols seus dois jogos seguintes na competição, contra Huesca e Villarreal. O triunfo fora de casa neste sábado levou os Colchoneros a oito pontos em quatro jogos, com o time subindo momentaneamente à quinta colocação do Espanhol.

Bem ligado no meio de campo, Torreira jogou todos os 90 minutos e apresentou um belo cartão de visitas, com 73 toques na bola, 89% de acerto nos passes e cinco interceptações. Importante para manter o domínio do Atleti no segundo tempo, o uruguaio, emprestado ao time de Simeone pelo Arsenal, deu argumentos fortes para que o técnico o considere para a equipe titular.

Standings provided by SofaScore LiveScore