O Superclássico das Américas já tem nova data. O jogo adiado em Resistencia, no último dia 3 de outubro, por falta de iluminação, será disputado no dia 21 de novembro, desta vez em Buenos Aires, e em um dos estádios mais tradicionais da América do Sul: La Bombonera, o estádio do Boca Juniors. O problema é que essa data fica entre as 36ª e 37ª rodadas do Campeonato Brasileiro, quando possivelmente ainda estarão sendo disputados título, rebaixamento e vagas na Libertadores.

O jogo será em uma quarta-feira, como seria no dia 3 de outubro e não há rodada programada para esse dia. Porém, a data está reservada para um dos jogos de ida da semifinal da Copa Sul-Americana. Palmeiras, Grêmio, São Paulo e Atlético Goianiense, pelo Brasil, e Tigre, Colón e Independiente, pela Argentina, ainda estão envolvidos na competição e podem chegar até essa fase.

Assim como nos outros jogos do Superclássico das Américas, apenas jogadores que atuam nos dois países poderão ser convocados. Porém, essa não é uma data Fifa e, portanto, os clubes não são obrigados a liberar os jogadores para essa partida internacional. A Argentina precisa vencer por um gol de diferença para levar a decisão para os pênaltis e por mais gols para levar a taça. O Brasil fica com o título com o empate.