A Inglaterra irá bater uma marca histórica nesta semana de data Fifa: a seleção chamada de Three Lions fará o seu 1.000º jogo na história. Uma vitória irá garantir os ingleses na Eurocopa de 2020. O técnico Gareth Southgate chegou à semifinal da Copa do Mundo em 2018, o treinador parece estar com os pés fincados no chão. Para ele, é preciso evitar a arrogância que a seleção inglesa teve em outros momentos.

“Nós não podemos ter a arrogância que talvez nós tivemos ao longo dos anos, como se tivéssemos o direito de estar nas fases finais”, afirmou o treinador, em entrevista coletiva. “Como um time e como comissão técnica, nós temos que conquistar isso. Nós temos que aumentar o nível para as próximas décadas para garantir que elas sejam mais bem-sucedidas que as anteriores”.

A Inglaterra venceu apenas uma Copa do Mundo, em 1966, quando foi sede do torneio. As semifinais e final da Eurocopa 2020 serão disputadas em Wembley. O torneio terá 13 sedes, espalhadas pela Europa. Em 2018, a boa campanha da Inglaterra despertou uma imensa esperança entre os ingleses, com os torcedores cantando de forma divertida o “It’s coming home”, música criada para a Eurocopa de 1996, disputada justamente na Inglaterra.

“No momento, a vitória na Copa do Mundo é um ponto fora da curva, enquanto, na verdade, historicamente, nós olhamos para isso como referência”, avaliou Southgate. “Nós somos uma ilha pequena. Mesmo no rúgbi ou no críquete, nós tivemos uma campanha brilhante”.

“O time de rúgbi – e enorme crédito para eles – só conseguiram ganhar [a Copa do Mundo] uma vez e, com todo respeito, há menos países capazes de vencer. Então, é difícil vencer e esse tem que ser o nosso objetivo”.

Com a Eurocopa no horizonte, Southgate comentou sobre o cargo, que assumiu em 2016, de forma interina, e acabou conseguindo algo que é raro na seleção inglesa: chegar à semifinal. Apenas o time do técnico Alf Ramsey, campeão em 1966, e Bobby Robson, técnico da Inglaterra em 1990.

“Eu não penso muito nisso. Eu senti, em tempos recentes, que o trabalho foi visto como um cálice envenenado”, afirmou Southgate, usando uma metáfora curiosa. “Então você começa a pensar no que essas pessoas conseguiram e você tem que, como líder, pensar na visão do que é possível e como seria se conseguíssemos colocar o país realmente apoiando a equipe”.

“Você não pode ficar mais orgulhoso [de jogar], até que fui liderar. Então eu percebi que há um grupo menor de pessoas que tiveram a oportunidade e isso é um imenso privilégio”, afirmou o treinador.

A Inglaterra está em primeiro lugar no seu grupo nas Eliminatórias da Eurocopa, com 15 pontos em seis jogos. O segundo lugar é da Tchéquia, com 12 pontos, justamente o adversário desta quinta-feira. No domingo, 17, os ingleses visitam o Kosovo, terceiro colocado no momento, em partida pela última rodada do torneio classificatório. Os dois primeiros se classificam à Eurocopa.

Standings provided by Sofascore LiveScore