Encarando o vice-lanterna da Championship, o Manchester United não foi tão letal quanto poderia se esperar. Ainda assim, o time praticamente reserva utilizado por Ole Gunnar Solskjaer fez sua parte e derrotou o Reading por 2 a 0, em Old Trafford, avançando na Copa da Inglaterra. Foi o quinto triunfo consecutivo do norueguês no comando dos Red Devils. É o melhor início de um treinador pelo clube desde Sir Matt Busby. Um dos poucos titulares utilizado desta vez, Romelu Lukaku balançou as redes pela terceira partida consecutiva, sublinhando sua ótima fase.

Sem precisar de tanto ímpeto, o Manchester United abriu o placar aos 22 minutos. Fred anotou e o VAR, presente na Copa da Inglaterra, flagrou a posição irregular do brasileiro. Em compensação, foi assinalado um pênalti sobre Juan Mata no mesmo lance. O próprio espanhol converteu a cobrança, deixando sua equipe em vantagem. Já nos acréscimos da primeira etapa, um erro do Reading permitiu o contra-ataque dos mancunianos. Alexis Sánchez deu ótimo passe para Lukaku, que driblou o goleiro e estufou as redes vazias. Missão cumprida sem alardes.

 

A vitória garante o Manchester United nos 16-avos de final da Copa da Inglaterra. O time agora terá uma semana de preparação rumo ao duelo com o Tottenham em Wembley, o primeiro desafio real de Solskjaer à frente dos Red Devils. Uma boa chance para a revanche, após a acachapante derrota no turno inicial da Premier League.


Os comentários estão desativados.