2017 já vinha sendo um ano de sorte para Kevin O’Connor, lateral da seleção irlandesa sub-21. O jovem disputou mais da metade da campanha que deu o título do Campeonato Irlandês ao Cork City e descolou uma transferência ao futebol inglês, negociado com o tradicionalíssimo Preston North End, atualmente figurando na Championship. O defensor de 22 anos é reserva na maioria dos jogos, mas não pode reclamar da oportunidade. A virada do ano, todavia, não poderia ser mais feliz ao atleta. Sorte mesmo é a que ele teve na “Mega Sena” irlandesa. Não, O’Connor não embolsou uma bolada suntuosa, comparada com os padrões brasileiros. Ainda assim, deve estar rindo à toa, ao faturar €1 milhão.

A sorte de O’Connor começa ao ser uma pessoa muito querida por seus parentes. Afinal, o lateral recebeu o bilhete de presente de seu tio, que assinalou os números na loteria irlandesa especial de Natal. Pois o apostador foi certeiro ao cravar o palpite e garantir a bolada ao sobrinho, que também é seu afilhado. No dia de Ano Novo, O’Connor apareceu em um supermercado da cidadezinha de Enniscorthy, onde nasceu, para validar o papel. Depois, foi pessoalmente à sede da loteria nacional, em Dublin, para embolsar o seu milhão.

“Eu fiquei contente por Kevin e seus pais. Ninguém pode conhecer uma pessoa melhor que ele ou que seus familiares. Quando ele veio ao mercado com sua namorada, era o mesmo Kevin de outros tempos. Ele não mudou nada. É a pessoa mais legal que eu conheço. Ele chegou aonde está pelo caminho mais duro, trabalhou bastante até ganhar a oportunidade. Se fosse para escolher alguém que ganhasse a loteria, eu não faria escolha melhor”, afirmou Louis Flannagan, o dono do supermercado que vendeu o bilhete premiado, ao Irish Times.

O’Connor, que também jogou futebol gaélico nas categorias de base, ainda não possui uma fortuna grande o suficiente que permita a sua aposentadoria. Ainda assim, sem dúvidas o caminho será um pouco mais tranquilo a partir de agora. Resta saber se a mesma sorte se repetirá nos gramados, quem sabe para chegar à Premier League e ao nível principal da seleção irlandesa.


Os comentários estão desativados.