O atacante Son Heung-min retornou aos treinos no Tottenham, depois de servir por três semanas à Marinha da Coreia do Sul. Com a paralisação do futebol pela pandemia do coronavírus, o jogador, de 27 anos, aproveitou para completar a obrigatoriedade do serviço militar e se destacou como o melhor novato, segundo informa o Korea Herald.

Como foi campeão dos Jogos Asiáticos pela Coreia do Sul em 2018, o jogador recebeu a exceção de servir por apenas três semanas, e não dois anos, como é o padrão no país. Esse tipo de exceção é dada a sul-coreanos que conseguem feitos notáveis, como ganhar uma medalha olímpica ou ganhar o ouro nos Jogos Asiáticos, que foi o caso do atacante do Tottenham. Son teve a sua última chance nos Jogos Asiáticos de 2018, quando foi liberado pelo Tottenham e brilhou no torneio.

O jogador do Tottenham prestou serviço na ilha de Jeju e impressionou pelo bom desempenho. Ele foi um dos cinco a receberem condecorações na cerimônia de graduação no dia 1º de maio, sendo o de melhor desempenho entre os 157 novatos. Segundo os oficiais consultados, ele se destacou em habilidades de tiro e outras áreas.

O programa de treinamento incluiu habilidades de tiro e baioneta, treinamento químico, biológico e radiológico, habilidades de batalhas individuais e treinamento em primeiros socorros. Segundo autoridades, Son acertou 10 dos 10 tiros dados no treinamento.

“Ele recebeu o prêmio Pilsung, que é um dos cinco tipos de premiação para melhor desempenho”, segundo um oficial da Marinha. Pilsung significa “vitória certa” em sul-coreano. O prêmio é dado em todas as Forças Armadas da Coreia do Sul, Marinha, Aeronáutica e Exército.

Todos os homens fisicamente capazes devem prestar o serviço militar obrigatório por dois anos em alguma divisão das Forças Armadas. Son, por ter conseguido a exceção, só precisou completar o treinamento básico, além de 544 horas de serviço comunitário ao longo dos próximos 34 meses.

Nesta terça-feira, o jogador tirou foto no centro de treinamento do Tottenham. O jogador foi testado para coronavírus na volta à Inglaterra e deu negativo, por isso não precisou fazer um auto isolamento. Na foto que tirou, Son aparece com um cabelo mais curto do que nos acostumamos a ver quando ele estava em campo.

Vídeo da Sky News mostra o sul-coreano no Centro de Treinamento Enfield, do Tottenham. Outros clubes ingleses também retornam aos treinamentos, com diversos protocolos de saúde, como higienização de todos os equipamentos, como cones, bolas, traves e todos equipamentos utilizados.

Son Heung-min no treinamento do Tottenham (Reprodução)