Situação no Manchester United está tendo impacto no psicológico de Pogba, diz Deschamps

O treinador da seleção francesa, Didier Deschamps, afirmou que Paul Pogba não está no seu melhor momento, com o psicológico afetado pela situação no Manchester United, e colocou em dúvida sua presença como titular contra Portugal, neste sábado, pela Liga das Nações.

A temporada passada foi a pior para o francês em Old Trafford, com problemas físicos que limitaram seus jogos a sete antes da paralisação. Retornou em junho e foi um dos principais jogadores do Manchester United na arrancada rumo à vaga na Champions League, o que parecia ter afastado as constantes especulações de uma transferência.

No entanto, nesta nova campanha, entrou em campo 11 vezes, apenas cinco como titular, e o United voltou a oscilar bastante em desempenho e resultados, levando os rumores e comentários sobre uma possível saída a ressurgirem.

Na última quarta-feira, Pogba atuou aproximadamente uma hora na derrota da França, por 2 a 0, para a Finlândia, em amistoso.

“Ele não está na sua melhor forma, claro, eu sabia disso antes do jogo. Esta partida era para lhe dar algum ritmo. Ele sabia que jogaria apenas uma hora”, afirmou Deschamps. “É difícil se lembrar de ser positivo. Claro que ele não está em um de seus melhores períodos. Como todos os jogadores que têm uma situação no clube que não é positiva… eles também são influenciados psicologicamente”.

“Eu o conheço bem o suficiente e isso pode acontecer em certos momentos. Períodos assim podem acontecer. Ele tem o conhecimento no mais alto nível, o orgulho e o espírito para responder aos críticos. Depois disso, eu tenho decisões a tomar em relação a todos os elementos em comparação com os outros jogadores”, acrescentou.

Deschamps também comentou a condição física de Mbappé, fora dos últimos dois jogos do PSG. Segundo o treinador campeão mundial, ele treinará individualmente e será testado na manhã deste sábado antes de uma decisão final.

.