Simeone: “Griezmann é um jogador determinante e a combinação com Diego Costa foi decisiva”


	Champions League

Diego Simeone fez elogios à postura do Atlético de Madrid no jogo contra o Monaco, na estreia do time na Champions League. A vitória por 2 a 1 na França foi um resultado importante para a equipe comandada pelo argentino. Ainda suspenso, o treinador teve que assistir ao jogo da tribuna. “A verdade é que se via de forma fantástica lá de cima”, comentou. “Parecia mais normal que lá embaixo”.

“Houve uma reação da equipe, que foi o mais importante desta noite. Os zagueiros fizeram uma grande partida, também Koke, o trabalho de Correa e Juanfran pela direita nos permitiu chegar até Griezmann e Diego Costa”, analisou o treinador do Atlético. “Começamos perdendo e viramos o marcado, mas a equipe sempre esteve cômoda. É normal sofrer em um campo complicado, veja como estava o gramado. Mas soubemos sofrer e pudemos ganhar”, complementou Diego Costa.

“Era difícil ter precisão porque o campo estava complicado, mas não só o gol, outras situações que estava perto do gol foram geradas de forma importante”, disse ainda Simeone, que fez duras críticas ao gramado do estádio Louis II. “Quando você encontra um gramado assim, não me preocupa jogar melhor ou pior, e sim as pernas dos jogadores”, disse.

O primeiro gol foi marcado em uma combinação que teve Juanfran, Koke e Griezmann, que deixou Diego Costa na cara do gol. “Não estávamos dando o melhor de nós e a sorte não estava nos acompanhando, por isso tínhamos que ganhar para mudar a dinâmica”, afirmou Diego Costa. “Necessitamos voltar a ser fortes na bola parada como naquela liga [2013/14], que ganhamos nas jogadas que pareciam pênaltis”, analisou o zagueiro José Giménez, autor de um dos gols.

“Eles nos marcaram um gol um pouco raro e não é fácil virar partidas assim, mas tivemos personalidade para reverter”, afirmou o meio-campista Rodrigo, que tem jogado no lugar do antigo capitão, Gabi. E Simeone fez elogios grandes a Griezmann. “Começamos em desvantagem e ele apareceu onde causa danos. É um jogador determinante e a combinação com Diego Costa foi decisiva. Fez uma grande partida”, analisou o treinador.


Os comentários estão desativados.