Serie A

A Roma deu um grande show contra a Salernitana e emendou golaço atrás de golaço

Mesmo contra um adversário mais frágil, a Roma conquistou uma vitória empolgante pela qualidade dos gols

O início da Roma sob as ordens de José Mourinho é animador. Os giallorossi estrearam com vitória sobre a Fiorentina na Serie A e também venceram as duas nas preliminares da Conference, contra uma potencial pedra no sapato que era o Trabzonspor. Já neste domingo, a Loba deu show na visita à recém-promovida Salernitana. Os gols vieram apenas no segundo tempo no Estádio Arechi, mas os romanistas não economizaram na beleza dos lances: foi uma coleção de pinturas, que garantiram uma confortável goleada por 4 a 0 e mantiveram os 100% de aproveitamento da equipe no Campeonato Italiano.

O placar zerado durante o primeiro tempo não foi por deméritos da Roma. Os giallorossi tiveram 85% de posse de bola e buscaram bastante o gol, com dez finalizações. Porém, a Salernitana trancou sua área e não permitiu muito espaço para os visitantes nos arremates. Além do mais, quando necessário, o goleiro Vid Belec fez duas boas intervenções – rebatendo um chute de Matías Viña e depois desviando uma cabeçada de Gianluca Mancini. Do outro lado, Rui Patrício mal suou o uniforme, com as raras investidas dos anfitriões limitadas a bolas paradas.

O segundo tempo, em compensação, logo viu a Roma arreganhar os dentes. O primeiro gol saiu aos três minutos. Viña arrancou pela esquerda e cruzou para Lorenzo Pellegrini. O meia dominou na área e bateu rasteiro, mandando o chute por baixo de Belec, que não conseguiu salvar. Aos sete, o show começaria de verdade com o segundo tento. Foi uma belíssima troca de passes, com raciocínio rápido e toques de primeira. Tammy Abraham fez a parede com um difícil toque com a parte de fora do pé, antes que Henrikh Mkhitaryan já desse um tapa de primeira por entre as pernas do zagueiro. Jordan Veretout invadia a área e concluiu a jogadaça.

A Salernitana teve sua melhor chance na sequência, com Federico Bonazzoli mandando para fora. Ainda assim, só dava Roma e os visitantes sitiavam o campo de ataque. Belec acumulava grandes defesas para conter o desastre, mas o terceiro logo surgiu aos 24. Em mais uma boa trama pela direita, Carles Pérez serviu Abraham e o centroavante foi cirúrgico. O inglês pegou na veia e acertou uma pancada que ainda tocou na trave antes de entrar, sem chances para Belec. Por fim, o baile estaria completo aos 34. Veretout tocou e encontrou Pellegrini livre na risca da grande área. O meia ajeitou e descolou um tiro perfeito, no ângulo, de novo deixando Belec impotente. Fim de festa.

Cinco times venceram nas duas primeiras rodadas da Serie A e a Roma acaba na segunda colocação pelo número de gols marcados, igualada à Internazionale. A liderança é da Lazio, que também vive um novo momento e aplicou duas goleadas. A rodada do final de semana, aliás, reforça como José Mourinho e Maurizio Sarri têm condições de agitar o futebol da capital nesta temporada. A exibição dos romanistas foi impressionante o suficiente, mesmo contra um adversário mais frágil desta vez.

Classificação fornecida por SofaScore LiveScore

Mostrar mais

Leandro Stein

É completamente viciado em futebol, e não só no que acontece no limite das quatro linhas. Sua paixão é justamente sobre como um mero jogo tem tanta capacidade de transformar a sociedade. Formado pela USP, também foi editor do Olheiros e redator da revista Invicto, além de colaborar com diversas revistas. Escreve na Trivela desde abril de 2010 e faz parte da redação fixa desde setembro de 2011.

Conteúdos relacionados

Botão Voltar ao topo