Universidad Católica: recuperando-se em casa e fora

Terceiro clube em número de títulos chilenos – atrás apenas de Colo-Colo, com 29 conquistas, e Universidad de Chile, com 13 -, a Universidad Católica faturou, no ano passado, o décimo campeonato nacional de sua história, e assim assegurou vaga na Libertadores. O troféu acaba com um jejum de cinco anos e, de certa forma, interrompe a flagrante hegemonia colocolina dos últimos anos.

A equipe se prepara para a competição com o objetivo de fazer uma campanha melhor do que a de 2010, quando, foi eliminada na primeira fase. Mas, para que isso aconteça, terá de superar a perda de algumas de suas principais peças, que se transferiram no final do ano e certamente irão fazer muita falta. A principal delas é o atacante Milovan Mirosevic, artilheiro do Campeonato Chileno com 19 gols, que se transferiu para o Al Ain, dos Emirados Árabes Unidos.

Outro a sair foi o meia Dario Bottinelli, que acertou com o Flamengo e já começa a mostrar talento no futebol brasileiro. A aposta do clube para substituído é em Marcelo Cañete, que veio por empréstimo do Boca Juniors e poderá, além de ganhar experiência no futebol chileno, se firmar como seus compatriotas Conca e Montillo. A responsabilidade de fazer os gols fica por conta de Roberto Gutiérrez, atacante que balançou as redes adversárias em 14 oportunidades no Campeonato Chileno.

No meio-campo, os experientes Jorge Omeño e Rodrigo Valenzuela dão o respaldo necessário para que jovens como Francisco Pizarro e Felipe Gutiérrez possam se afirmar aos poucos. O volante Francisco Silva, muito eficiente na marcação, é o responsável por proteger os zagueiros. Na defesa, destaque para Adán Vergara, que teve rápida passagem pelo Vasco e não deixou saudades, assim como José Luis Villanueva, atacante recém-contratado.

Elenco:

Paulo Garcés, G (CHI)
Fabián Cerda, G (CHI)
Cristopher Toselli, G (CHI)

Marcos González, D (CHI)
Adán Vergara, D (CHI)
David Henríquez, D (CHI)
Hans Martínez, D (CHI)
José Martínez, D (CHI)
Alfonso Parot, D (CHI)
Enzo Andía, D (CHI)
Diego Rosende, D (CHI)
Marko Biskupovic, D (CHI)

Tomás Costa, M (ARG)
Marcelo Cañete, M (ARG)
Juan Eluchans, M (ARG)
Juan Pablo Gómez, M (ARG)
Francisco Silva, M (CHI)
Rodrigo Valenzuela, M (CHI)
Jorge Omeño, M (CHI)
Felipe Gutiérrez, M (CHI)
Leandro Díaz, M (ARG)
Fernando Meneses, M (CHI)
Francisco Pizarro, M (CHI)

Pablo Calandria, A (ARG)
Roberto Gutiérrez, A (CHI)
Lucas Pratto, A (CHI)
Braulio Brizuela, A (PAR)
Matías Jadue, A (CHI)

Momento histórico contra um brasileiro:

São Paulo 5×1 Universidad Católica, pela final da Copa Libertadores de 1993

Mostrar mais

Equipe Trivela

A equipe da redação da Trivela, site especializado em futebol que desde 1998 traz informação e análise. Fale com a equipe ou mande sua sugestão de pauta: [email protected]

Conteúdos relacionados

Botão Voltar ao topo