Tricolores

Não dá para dizer que o São Paulo ganhou do Audax só por sorte. O que determinou o resultado foi a expulsão do zagueiro chileno, que só aconteceu porque o ataque Tricolor forçou a zaga adversária a fazer faltas. Porém, o torcedor vai ter que se enganar muito para achar muita coisa positiva na atuação da equipe nesta quarta-feira. O time jogou mal, na base da bola na área, ou seja, na total dependência de Adriano. Que não está jogando suficiente futebol para merecer isso. Embora, este sim, tenha dado sorte.

O Flu, por outro lado, mostrou extrema competência, e parece ter sido ajudado pela Justiça, que, no mínimo, poupou um descontente no banco. Só um reparo tem que ser feito na partida do Maracanã: o Tricolor não foi atacado. Não é que o Arsenal é ruim, não é, é bom, e o resultado é muito expressivo. Fica, entretanto, ainda por var, como se comporta o Flu quando for atacado. É notório que o problema do time está atrás, e não na frente. E uma coisa não compensa a outra.

A boa notícia, entretanto, é que Renato Gaúcho dá cada vez mais mostrar de ser um técnico de primeira, no estilo brasileiro: está tornando o grupo coeso, mesmo com os gustavosnerys do elenco. Se conseguir sucesso nisso, até sua defesa pode não atrapalhar tanto. Embora, sem dúvida, tivesse merecido mais cuidado na hora de contratar.

Pra não ficar sem registro nesse post: o Cruzeiro está com um jeito forte de quem vai brigar pelo título. Fora o que está jogando o Ramires… O Santos? Sorte pura ganhar do Chivas.

Mostrar mais

Equipe Trivela

A equipe da redação da Trivela, site especializado em futebol que desde 1998 traz informação e análise. Fale com a equipe ou mande sua sugestão de pauta: [email protected]

Conteúdos relacionados

Botão Voltar ao topo