Paulistas em baixa

O Corinthians acertou, até agora, somente com o zagueiro Wallace, ex-Vitória, e o lateral Fábio Santos. Deve fechar também com William, do Figueirense, e Luis Ramírez, do Universitario (PER). Já o Palmeiras se “reforçou” apenas com o zagueiro Thiago Heleno. No São Paulo, o acerto foi com Juan, ex-Flamengo. O Santos, ao menos, trouxe bons nomes: Elano, Jonathan (ex-Cruzeiro), Charles (ex-Cruzeiro e Lokomotiv Moscou) e o goleiro Aranha (ex-Ponte Preta e Atlético Mineiro).

A sensação que passa, nesse início de 2011, é que os clubes paulistas ficaram para trás no mercado de transferências. Flamengo e Fluminense fizeram boas contratação e foram os clubes que mais se mexeram – ao menos causaram o maior impacto. Em Minas e Rio Grande do Sul, somente o Galo se reforçou bastante, mas os outros times já contavam com bons elencos – ao contrário dos paulistas.

Os corintianos viram Elias ir embora, William se aposentar, o ataque permanecer sem reserva e nenhum grande nome chegar. Os são-paulinos terão que acreditar em Juvenal Juvêncio e sua promessa de milagre com a base tricolor, já que pretende montar um time só com garotos. E os palmeirenses… bem, os palmeirenses ainda aguardam um time novo.

Corinthians e Palmeiras passam por um momento de ressaca após grandes investimentos, sem retorno, nos últimos meses. Já o São Paulo busca reencontrar um caminho depois de quatro anos vitoriosos sob o comando de Muricy. E com o trio de ferro paulista engessado, cabe ao Peixe, no momento, o rótulo de principal time do estado. Considerando, principalmente, Paulo Henrique Ganso como um belíssimo reforço.

O estadual será um bom termômetro para todos medirem a capacidade dos elencos, mas a temporada para alguns já começa para valer em poucas semanas. Que o diga o Timão na Libertadores.

Mostrar mais

Equipe Trivela

A equipe da redação da Trivela, site especializado em futebol que desde 1998 traz informação e análise. Fale com a equipe ou mande sua sugestão de pauta: [email protected]

Conteúdos relacionados

Botão Voltar ao topo