Panathinaikos

Nome: P.A.E. Panathinaikos
Apelido: Trifylli (Trevo de três folhas)
Estádio: Olímpico, Atenas
Time-base: Tzorvas; Seitaridis, Kanté, Boumsong e Spiropoulos; Simão, Katsouranis, Ninis e Leto; Govou e Petropoulos
Treinador: Nikos Nioplias
Principais títulos: 20 Campeonatos Gregos, 17 Copas da Grécia e 4 Supercopas da Grécia
Momento histórico na Europa: Vitória por 3 a 0 sobre o Estrela Vermelha, no jogo de volta das semifinais da Liga dos Campeões da temporada 1970/71, revertendo uma desvantagem de três gols e chegando à decisão da competição.

O Pana se valeu da experiência para voltar a dominar o futebol grego. Experiência notada em vários de seus jogadores, como Seitaridis, Katsouranis e Karagounis. Unida a um pouquinho de juventude. Pelo menos no que diz respeito ao técnico: com 45 anos e tendo apenas as seleções de base da Grécia como experiências prévias, Nikos Nioplias foi o técnico a ter colocado os verdes de volta às glórias.

E, como reforços para a Liga dos Campeões, o que veio foi mais experiência. Principalmente no ataque, com Govou e Luis García unindo-se a Cissé. Ou na defesa, com Boumsong chegando para fazer par com Cédric Kanté. E os velhos conhecidos, como os supracitados, continuaram na equipe. O que não significa que basta ter mais de 28 anos para se dar bem no Panathinaikos: afinal de contas, Sotiris Ninis, com 20 anos, já tomou conta do meio-campo, tendo Sebastián Leto como seu escudeiro.

Resta, então, tentar repetir o desempenho do arquirrival Olympiacos, que alcançou, pelo menos, as oitavas de final da Liga, na última temporada. Será difícil, já que o Barcelona é franco favorito à primeira posição do grupo D, e o Rubin Kazan parece mais talhado para a segunda vaga nas oitavas de final. Entretanto, não convém eliminar de cara um time que mescla tão bem experiência e juventude como o Pana.

Elenco

2 – Giourkas Seitaridis (D), GRE, 29
3 – Josu Sarriegi (D), ESP, 31
4 – Jean-Alain Boumsong (D), FRA, 30
5 – Cédric Kanté (D), MLI, 31
7 – Sotiris Ninis (M), GRE, 20
8 – Georgios Ioannidis (M), GRE, 22
9 – Djibril Cissé (A), FRA, 29
10 – Sidney Govou (A), FRA, 31
11 – Sebastián Leto (M), ARG, 24
14 – Luis García (A), ESP, 32
15 – Gilberto Silva (M), BRA, 33
19 – Damien Plessis (M), FRA, 22
20 – Lazaros Christodoulopoulos (A), GRE, 23
21 – Elini Dimoutsos (M), GRE, 22
22 – Stergos Marinos (M), GRE, 22
23 – Simão (M), MOQ, 22
24 – Loukas Vyntra (D), GRE, 29
26 – Giorgos Karagounis (M), GRE, 33
27 – Orestis Karnezis (G), GRE, 25
28 – Antonis Petropoulos (A), GRE, 24
29 – Kostas Katsouranis (M), GRE, 31
30 – Alexandros Tzorvas (G), GRE, 28
31 – Nikos Spiropoulos (D), GRE, 27
44 – Anastasios Lagos (D), GRE, 18
66 – Daniel Fernandes (G), POR, 26

Mostrar mais

Equipe Trivela

A equipe da redação da Trivela, site especializado em futebol que desde 1998 traz informação e análise. Fale com a equipe ou mande sua sugestão de pauta: [email protected]

Conteúdos relacionados

Botão Voltar ao topo