O injustiçado Belletti

Antes da Copa de 2006, quase fui crucificado na redação ao defender não só a convocação de Belletti para a Seleção como sua titularidade. Alegava eu que, pela idade avançada, Cafu não aguentaria mais um jogo inteiro – o que se comprovou em campo. E que as outras opções disponíveis eram piores que o então lateral do Barcelona.

Com a contratação do ex-sãopaulino pelo Chelsea, ressurgem os comentários sobre sua “grossura”. Aí eu pergunto: tá legal, o Belletti não é exatamente o Carlos Alberto Torres, mas alguém vai ter coragem de dizer que ele é pior que o Paulo Ferreira? Ou que o Glen Johnson? Ou que o Cicinho?

“Esse Caio Maia é um louco, gosta de uma polêmica”, já antevejo os comentários. Mas é o seguinte: Cicinho, assim como seu sucessor Ilsinho e seu predecessor Mancini, não é lateral. Nenhum dos três tem qualquer condição de atuar na defesa, condição que deveria ser básica para um lateral. O que Belletti tem muito bem. Por ter sido volante, o agora jogador dos Blues é muito mais competente na marcação do que quase todos os laterais brasileiros. E, no ataque, não é uma negação – como seu gol na final da LC mostrou.

Claro que eu não acho que ele está no nível de um Essien, de um Terry, de um Shevcenko, mas nem o Mourinho acha isso, e é provável que o brasileiro chegue para fazer parte da rotação do elenco. Por outro lado, não tenho nenhuma dúvida de que pagar 5 milhas no Belletti do que 10, quanto mais 30, no Daniel Alves, que é apenas o Belletti mais jovem.

Mostrar mais

Equipe Trivela

A equipe da redação da Trivela, site especializado em futebol que desde 1998 traz informação e análise. Fale com a equipe ou mande sua sugestão de pauta: [email protected]

Conteúdos relacionados

Botão Voltar ao topo