O homem de Abramovich

Avram Grant ganhou o respeito de Roman Abramovich em 2006.

Depois de concluir uma campanha invicta com a seleção de Israel nas eliminatórias da Copa do Mundo, Grant se comprometeu a assumir o Hapoel Tel Aviv, caso Abramovich concluísse os planos de comprar o clube em parceria com o magnata do ramo de diamantes Lev Leviev.

As negociações para a compra do Hapoel não foram concluídas com sucesso. Na ocasião, Grant ficou sem emprego, mas desenvolveu uma amizade muito próxima com o bilionário russo.

Agora, depois de uma brevíssima passagem como diretor de futebol do Chelsea, Grant tem a missão de substituir José Mourinho, que não apenas foi o melhor técnico da história do Chelsea, como também um dos personagens mais interessantes do futebol inglês nos últimos tempos.

Obviamente, não se deve esperar de Grant o perfil de Mourinho. Tudo aponta para um período de transição até a chegada de um nome de maior peso, mas, como sempre, isso será ditado pelos resultados.

Em Israel, já há quem compare a importância da notícia à chegada do homem à lua. Independente do que faça, Grant já terá alimentado seu currículo de forma significativa. Resta saber se ele será um bom Neil Armstrong.

Mostrar mais

Equipe Trivela

A equipe da redação da Trivela, site especializado em futebol que desde 1998 traz informação e análise. Fale com a equipe ou mande sua sugestão de pauta: [email protected]

Conteúdos relacionados

Botão Voltar ao topo