Macnelly Torres no Santos

O pessoal do Santos parece desesperado. Montou um time que, no papel, é regular. No entanto, os primeiros resultados da temporada foram tenebrosos e dão a entender que o Peixe terá um ano para lá de sofrido. Sem muita saída, alguns dirigentes começam a chutar para todo lado.

Fala-se que virão dois ou três reforços do exterior (bem, a janela de transferências internacionais se fechou em 31 de janeiro. Então, não há muita margem para trabalhar). Um desses nomes seria o do meia Macnelly Torres, do Cúcuta e da seleção colombiana.

É um jogador bastante promissor. Sabe tocar a bola, lançar e chegar ao ataque. Foi, ao lado do goleiro Zapata e do atacante Blas Pérez, uma das estrelas da campanha do Cúcuta até as semifinais da Libertadores 2007.

Então, o que tem de errado no Santos querer ele? Simples, ele foi vendido ao Colo-Colo no começo da semana. O clube chileno pagou US$ 2,4 milhões para contar com o meia a partir de julho (ou seja, Torres fica no Cúcuta para a Libertadores).

A desinformação dos dirigentes santistas que espalharam o nome do Torres pode causar mais uma esperança falsa na torcida. E nem era difícil descobrir a verdade. Bastaria ir ao site oficial do Cúcuta (clique aqui para ver) ou a qualquer portal de notícias esportivas de Chile e Colômbia.

Obs.: também não custava nada a imprensa dar uma apurada e avisar que o Torres já foi vendido antes de especular sobre sua ida ao Santos

Mostrar mais

Equipe Trivela

A equipe da redação da Trivela, site especializado em futebol que desde 1998 traz informação e análise. Fale com a equipe ou mande sua sugestão de pauta: [email protected]

Conteúdos relacionados

Botão Voltar ao topo