Leão tem os pés no chão. Por isso, busca um lugar para Fabrício

Leão é um técnico empírico, sem grandes elucubrações táticas. Coloca esse jogador com aquele, vê se está dando certo, troca, analisa outra dupla e mantém o que está dando resultado, dentro de uma manifesta preferência pelo jogo ofensivo.Isso justifica a entrada de Fernandinho contra o Ituano. Vinha fazendo boas partidas e Leão, como gosta de atacar, viu nele o jogador certo para um esquema pré determinado. Torce para que Fernandinho jogue bem. Por isso, a titularidade.

Mas, e Fabrício? Sua entrada é contra todos os princípios lógicos, analisando-se pela ótica de Leão. O treinador que gosta de time ofensivo e que é adepto do “encaixe” por que mexeria em uma equipe que está ganhando e jogando no ataque? Por que buscar a defesa, por que buscar um lugar para um volante de pouca saída?

O treinador está tendo uma visão mais profundo do que a do torcedor. O time ganhou nove seguidas? Lidera o Paulistão? Tem feito muitos gols? Tudo é verdade, mas Leão tem visto uma defesa vulnerável. Talvez ainda esteja assustado com o 3 a 3 contra o Palmeiras. E os 3 a 3 contra o Bragantino. A verdade é que a entrada de Fabrício pode se analisada, se fosse um anúncio de jornal, como “procura-se um primeiro volante desesperadamente”.

Seria o Wellington, é lógico. Mas o garoto se machucou. Seria Wellington e Denílson e passou a ser Denílson e Casemiro. Mas os poucos erros de Casemiro fazem mais efeito sobre Leão do que os seus acertos. O treinador, com certeza, se lembra mais daquele gol de Neymar, possível graças à cochilada de Casemiro do que dos passes decisivos que deu em outras partidas. E, se estivéssemos no lugar de Leão talvez pensássemos igual.

O início do ano é enganoso para muita gente. Os adversários são fracos e os gols e vitórias chegam em grande quantidade. A tentativa com Fabrício mostra que Leão não está iludido. O time está bom, mas ainda é frágil. Está é uma boa notícia. A ruim é que não haverá tempo para que Fabrício entre bem no time. Insistir com ele, agora, pode ser um erro.
 

Mostrar mais

Equipe Trivela

A equipe da redação da Trivela, site especializado em futebol que desde 1998 traz informação e análise. Fale com a equipe ou mande sua sugestão de pauta: [email protected]

Conteúdos relacionados

Botão Voltar ao topo