GRUPO DA MORTE!!!

– Filhão, permita-me: GRUPO DA MORTEEEEEEEE!!!! BUUUUU!!!!

– Tá bom, Babbo. Você ganhou. Vai ter mesmo um grupo terrível na Euro-08. Itália, França e Holanda. Ninguém merece numa mesma chave. A mídia está salva. Já tem o grupo da morte da competição. Vocês vão ter assunto. Que medo!

– Nem a Romênia merece. Os caras têm até um time legalzinho. Mas como tentar alguma coisa contra essas potências?

– É… Mas nenhuma delas tá essa bola toda… Aliás, ninguém está jogando petecas. A turma tira sarro da Inglaterra. Mas é tudo Escócia, tudo igual. A Grécia pode ser bicampeã desse jeito.

– Fato. Euro pode dar qualquer coisa. Deu a Dinamarca-92, convocada às pressas no lugar da esfacelada Iugoslávia. Pode dar a Grécia de 2004, daquele jeito feio de ver…

– Só concordo com o Van Basten, que disse não saber qual o nome a ser dado para esse grupo. “Da morte” é pouco, disse ele. Desta vez concordo.

– O Piturca da Romênia tirou até sarro, dizendo que não é um grupo difícil. Mas fica aquela coisa. Quem passar chega com pique maior e motivado. Daí…

– Vai acontecer com todo mundo que sobrevive desses “grupos da morte”: a Inglaterra, em 2002, foi eliminada pelo Brasil. Que tinha pegou um grupo mole-mole com a China, com a Costa Rica e com a Tur…

– …Quia que acabou como terceira colocada, em 2002. Viu como tudo é relativo? Em 2006, a Argentina caiu nas quartas-de-final depois do grupo da morte dela. A Holanda parou em Portugal logo de cara… Confesso que também achava que só pegar dureza, desde o início, para preparar melhor as equipes, não era mau negócio. Quanto mais fortes os rivais vencidos, mais bem preparada chegava qualquer seleção. Mas como os torneios são tão intensos, tão difíceis, tão chatos, que talvez seja melhor mesmo a gente dar umas paradinhas, passear contra as Chinas da vida, para depois encarar as pauleiras.

– O Grupo A tem favorito? Eu ficaria com o time do Felipão (seja ele qual for) e com a Turquia.

– Mas os jogos serão na Suíça. E tem a República Tcheca, que sempre merece respeito.

– É… É um grupinho chato, também. Os quatro têm chances. Mas fico com Portugal e Turquia. Sem muita convicção.

– No B deve dar quem? A Alemanha passa. Eu apostaria na Croácia se os jogos não fossem na Áustria.

– É por aí. A Polônia está fazendo um time interessante. Não é tucanar, não. Mas os quatro também têm chances. E só o fator casa não pesar tanto para austríacos e suíços.

– Até porque a Suíça sempre joga em campo neutro, né?

– Tá legal. Essa é nova como a defesa estará um quejo suíço… Que o time vai dar um chocolate nos adversários…

– Pior que aquele chatíssimo time da Copa-06 não vai ser. A Suíça deve jogar um pouquinho mais.

– Não. Chato, mesmo, vai ser o grupo D. Fora a Espanha, que inegavelmente é a favorita, fico com a Suécia.

– Você vai quebrar a cara com a Grécia de novo…

– Pode ser. Mas só sei que a Espanha vai fazer uma boa Euro e poderá ser a campeã.

– Pára de copiar os comentários que você fez nas últimas quatro Euros e quatro Copas!

– Não. Nem sempre apostei na Espanha. E não que esteja apostando muito, agora. Mas é que agora que ninguém dá aquela bola que, de repente, a fúria vira o jogo.

– Sei… Você já usou essas estratégia e se deu mal.

– Eu, não. A Espanha. Essa é uma ótima Euro para eles. Só não sei se será um bom torneio para todos nós. Não vejo nenhuma grande equipe em campo.

Mostrar mais

Equipe Trivela

A equipe da redação da Trivela, site especializado em futebol que desde 1998 traz informação e análise. Fale com a equipe ou mande sua sugestão de pauta: [email protected]

Conteúdos relacionados

Botão Voltar ao topo