Grupo B: CSKA Moscou

Estava tudo pronto. Zico ia comandar o CSKA Moscou, com Akinfeev, Vagner Love, os irmãos Berezutski, Ignashevich, a revelação Dzagoev, em busca da classificação às oitavas de final da Liga dos Campeões. Não seria fácil, claro. Cair num grupo com o vice-campeão do torneio na última temporada, mais um Wolfsburg em franca ascensão, nunca significa caminho suave. Ainda mais para um time que não chegou a passar da fase de grupos, na última LC.

Mas a falta de desafio ao líder Rubin Kazan, na Premier League russa, cobrou seu preço. Mesmo com a terceira colocação, o Exército Vermelho já está a dez pontos do líder da liga. E Zico acabou caindo. A poucos dias da estreia na Liga, contra o Wolfsburg, fora de casa. Às pressas, Juande Ramos foi contratado. Foi até uma boa aquisição, tendo em vista o belíssimo trabalho feito no Sevilla, levado ao bicampeonato da Copa Uefa.

Juande, porém, deixou o Sevilla há algum tempo. Teve passagem ruim pelo Tottenham, e conseguiu, pelo menos, fazer trabalho digno no Real Madrid. Porém, já não se sabe o que ele poderá fazer em Moscou e é bom lembrar que, comandando o Real na Liga dos Campeões passada, viu a equipe ser destroçada sem dó pelo Liverpool, nas oitavas.

E o clube não pode contar mais com os gols de Vagner Love, que, ainda com a Copa de 2010 em mente, voltou ao Brasil e ao Palmeiras. Nem com a habilidade de Yuri Zhirkov, que já estava acertado com o Chelsea. Mesmo assim, material humano há para que Juande possa fazer um bom trabalho. Poucos duvidam, por exemplo, da capacidade de Igor Akinfeev, no gol. Na linha de quatro zagueiros, a relativa experiência de Vasili Berezutski e de Ignashevich, amplia ainda mais a segurança do setor.

No meio, mesmo novato, Alan Dzagoev já exerce papel importante na armação das jogadas, tendo a seu lado o não menos jovem Mamaev. Contando com o esforço de Alexei Berezutski, ambos podem se tranqüilizar na armação de jogadas para o ataque. Para finalizar, enfim, há a confiança em Guilherme, que estreou bem pela equipe. E o nigerense Maazou, cujas performances no Lokeren, da Bélgica, fizeram com que o CSKA antecipasse sua vinda já para o começo de 2009.

Mesmo assim, a mudança de técnico talvez exija um recomeço de trabalho. Com a capacidade de Juande e a qualidade do grupo, pode dar resultado já nesta fase de grupos. Mas tudo pode dar errado em caso de instabilidade, ou de excessivas mudanças na formação até que o ponto ideal seja achado.

Mostrar mais

Equipe Trivela

A equipe da redação da Trivela, site especializado em futebol que desde 1998 traz informação e análise. Fale com a equipe ou mande sua sugestão de pauta: [email protected]

Conteúdos relacionados

Botão Voltar ao topo