Foi um monstro

Neymar é uma pessoa que não agrada muita gente, mas é um jogador espetacular, fora de série. Craque. Nesta segunda-feira, contra o Paraguai, deu mais uma apresentação que comprova isso.

Muita gente no Twitter estava reclamando do jogador. “Não passa a bola”, “fominha”, “quer marcar todos os gols”… E à medida que ele ia marcando todos os gols, as reclamações viravam piadas.

O atacante do Santos tem potencial para se tornar um dos grandes de todos os tempos do futebol mundial. Para nossa sorte, ele é brasileiro. Só que somente talento não adianta. É preciso ter cabeça também, e esse parece ser seu maior desafio na carreira.

A Seleção sub-20, se continuar com esse futebol e Neymar desequilibrando, leva a vaga para as Olimpíadas brincando. Analisando apenas os jogadores normais de futebol, a equipe do técnico Ney Franco teve como destaques Lucas e Casemiro, e ponto negativo (óbvio) o despreparo emocional do time. Primeiro com a versão Felipe Melo da equipe (Zé Eduardo) e depois com o convite à confusão feito pelos paraguaios e aceito pelos brasileiros no final do jogo.

Mas tudo isso ficará para segundo plano. Já posso até imaginar as manchetes de jornais no mundo inteiro nesta terça. Desde as exaltações patrióticas nossas, passando pelos aplausos da imprensa peruana e chegando no Marca: “Real Madrid ya tiene su 9”.

Mostrar mais

Equipe Trivela

A equipe da redação da Trivela, site especializado em futebol que desde 1998 traz informação e análise. Fale com a equipe ou mande sua sugestão de pauta: [email protected]

Conteúdos relacionados

Botão Voltar ao topo