Estadual ou Libertadores?

Poucos dias antes da final da Taça Rio, entre Fluminense e Botafogo, um torcedor e jornalista tricolor, Hélio Sussekind, comprou espaço publicitário nas páginas de O Globo para declarar que “nenhuma Libertadores é mais importante que o estadual”.

Vale a pena perguntar, hoje, se algum torcedor do Fluminense trocaria sua situação – nas quartas da Libertadores – pela do Flamengo, campeão estadual e em crise após a eliminação diante do América do México.

As discussões em torno de priorizações têm vindo à tona após várias equipes pouparem titulares na primeira rodada do Campeonato Brasileiro. Excluindo da discussão as questões de calendário, os jogadores importantes deveriam ter sido poupados em janeiro, no início dos estaduais. Agora, estariam em condições de jogar duas vezes na semana.

Curiosamente, dos times vivos na disputa por Libertadores e Copa do Brasil, apenas Sport e Internacional venceram os estaduais. Botafogo, Atlético Mineiro, São Paulo, Fluminense, Santos, Corinthians e Vasco, além até do Corinthians de Alagoas, não foram campeões.

Afinal, o que vale mais: o estadual ou a Libertadores, a Copa do Brasil e o Campeonato Brasileiro?

Mostrar mais

Equipe Trivela

A equipe da redação da Trivela, site especializado em futebol que desde 1998 traz informação e análise. Fale com a equipe ou mande sua sugestão de pauta: [email protected]

Conteúdos relacionados

Botão Voltar ao topo