É hoje

Hoje à noite na Inglaterra, o Tottenham tem a chance de encerrar a vergonhosa série de 21 jogos sem vencer o maior rival. A partida contra o Arsenal, além disso, tem como “bônus” uma passagem para a final da League Cup – e se tem algo que não acontece em Whute Hart Lane há mais tempo do que uma vitória sobre o Arsenal, isso é ganhar um título.

Os Gunners vão a campo com a molecada mais Gallas. Os Spurs, com força total. Não quer dizer nada. Embora na maior parte dessas 21 partidas o Arsenal fosse mesmo muito melhor que o Tottenham, houve diversos momentos – como um 4 a 3 recente, ou teria sido 5 a 4 – em que ficou claro que o tabu não cai por que a cabeça dos jogadores de branco não deixa.

Se Juande Ramos levar os Spurs a uma vitória hoje, não precisa nem ganhar a League Cup. Aliás, não precisa ganhar mais nada na temporada inteira. Caso contrário, parte dos jogadores, principalmente Berbatov, pode se convencer de que não dá pra ganhar nada mesmo em White Hart Lane, e optar por mudar de ares.

Ares, aliás, que serão diferentes para Paul Robinson. Se na Inglaterra faltam opções para barrá-lo, no clube a decisão está tomada: por questões futebolísticas e extra-campo – o apoio de Robinson a Jol – Robinson só não será vendido se ninguém quiser pagar um preço decente. O que não é tão impossível assim, tendo em vista suas mais recentes performances.

Mostrar mais

Equipe Trivela

A equipe da redação da Trivela, site especializado em futebol que desde 1998 traz informação e análise. Fale com a equipe ou mande sua sugestão de pauta: [email protected]

Conteúdos relacionados

Botão Voltar ao topo