Aldershot: Vida após a falência

A Fiorentina no final dos anos 90 foi à falência. Em seguida foi fundado um novo clube com o mesmo nome, cor de camisa e tudo mais que recordava o antigo. Os torcedores apoiaram o renascimento do time de Firenze na quarta divisão italiana e hoje acompanham com grande expectativa a possível classificação à Liga dos Campeões. O pequeno Aldershot Town vive uma história semelhante.

O clube da cidade homônima e distante a 55 quilômetros de Londres renasceu em 1992 após os órgãos tributários decretarem o fechamento das portas do velho Aldershot Football Club. Os “shots”, apelido do time e adotado pela torcida, foi fundado pela primeira vez em 1926, mas somente em 1932 participou da liga inglesa.

Uma vida inteira por baixo

O Aldershot sempre esteve em divisões inferiores do campeonato inglês. No ano de 1958 foi um dos membros fundadores da quarta divisão. A equipe começou a ter um pouco de destaque no início dos anos 70 com seguidas participações na FA Cup e enfrentando adversários da primeira divisão.

Nesta década a equipe chegou a Football League, então terceirona nacional. Apesar da população da cidade ser pequena os Shots tiveram média de quatro mil torcedores por jogo no estádio Recreation Ground (conhecido como Rec e com capacidade atual de 7.500 lugares). Em 1971 o Aldershot recebeu o Manchester United, com George Best, pela FA Cup e o público foi de 18.509 espectadores. Este número é inferior ao recorde registrado em janeiro de 1970 quando 19.138 torcedores assistiram à partida contra o Carlisle United também válida pela copa.

As melhores campanhas do Aldershot na FA Cup foram em 1979, quando foi eliminada pelo Shrewsbury Town, e na temporada 86/87. Nesta última a queda foi perante o Wolverhampton na casa do adversário, na rodada anterior eliminaram o Bolton Wanderers. Em ambas edições os Shots estiveram a um passo das quartas de final. O jogador de maior destaque a vestir a camisa do time foi Teddy Sheringham em 1985, na época ele ainda era um jovem atleta ganhando experiência em divisões inferiores.

Novo clube, vida nova, sonho velho

Os problemas financeiros sempre acompanharam o clube, porém no final dos anos 80 e início dos 90 a crise não foi contornada e a falência foi decretada pela justiça britânica. Em março de 1992 nascia o Aldershot Town Football Club e o primeiro campeonato a ser disputado foi a Isthmian League Second Division, o equivalente a oitava divisão nacional. A promoção veio no mesmo ano. Entre 1992 e 2003 os Shots subiram quatro divisões.

Desde a temporada 02/03 o Aldershot disputava a Conference National (quinta divisão nacional) e neste ano conseguiu o acesso para a Football League 2. As divisões acima são: Football League 1, Championship e a Premier League.

O time treinado por Gary Waddock, um irlandês que jogou boa parte da carreira no Queens Park Rangers (QPR) e onde também começou a ser treinador nas categorias inferiores, conseguiu a tão almejada vaga. No elenco os destaques são o goleiro Nikki Bull (eleito o melhor da posição) e o meio campista Scott Donnely. Ambos vieram por empréstimo do QPR. Outro meia que chamou a atenção durante a disputa é Scott Davies de apenas 19 anos e compatriota do técnico. No ataque Rob Elvins do West Bromich Albion, 22, e o artilheiro John Grant foram as estrelas do time. Grant, 27, anotou 21 gols e apesar de ser goleador nunca teve oportunidade em equipes de maior expressão. O Aldershot pretende manter boa parte do elenco campeão e trazer reforços para subir mais um degrau no futebol inglês.
 

Mostrar mais

Conteúdos relacionados

Botão Voltar ao topo