Roteiro: Reencontros e chances de redenção na rodada

Duelo de gigantes em três países, guerra por redenção e batalha de dois ex-integrantes da elite francesa na segundona marcam fim de semana de futebol

Este fim de semana teremos várias situações de equipes que buscam a redenção em seus respectivos campeonatos. Não teremos tantos clássicos, mas em compensação, a luta pela recuperação marca grande parte dos confrontos escolhidos para este Roteiro.

Destaque para o jogão da Serie A entre Internazionale x Juve. Na última vez que os dois se cruzaram, os nerazzurri interromperam uma sequência de 49 partidas invictas dos bianconeri no campeonato. Graças a Milito, que teve grande atuação.

Para completar, um legítimo clássico paraguaio, duelo dramático na Argentina e choque de gigantes alemães na Bundesliga. Vamos logo ao resumo do que vem por aí neste feriadão de Páscoa que será repleto de futebol. Não, não vamos fazer a piadinha clichê dos chocolates, amigo leitor.

O clássico

Olimpia x Cerro
Sábado, 17h

Se dedicando à Libertadores, os rivais ferrenhos do Paraguai, Olimpia e Cerro Porteño, fazem duelo sem grande pompa pelo campeonato local. Segurando a lanterna da liga com seis rodadas, o Cerro busca recuperar a moral, perdida com as três derrotas para o Sol de América, Libertad e Deportivo Capiatá. Sem ter nada a ver com isso, o Decano tem dois pontos a mais, vai bem na competição sul-americana e é o favorito para vencer o dérbi, jogando em casa no Manuel Ferreira. Com reservas ou não, o confronto deve pegar fogo.

O jogão

Internazionale x Juventus
Sábado, 11h

Sempre que Inter e Juventus se enfrentam, o jogo é interessantíssimo. Desta vez, não como em boa parte da última década, os nerazzurri é que buscam recuperação e uma vaga na Europa, ao contrário dos bianconeri, tranquilos na ponta da tabela com 9 pontos de diferença para o Napoli. Em Milão, vencerá o mais centrado. Neste ponto, a Juventus chega com um pouco mais de favoritismo. Entretanto, como diz a Lei de Jardel: clássico é clássico e vice-versa…

Fique de olho

Bayern Munique x Hamburg
Sábado, 14h30

Mais líder do que nunca e às vésperas de conquistar a Bundesliga após três anos, o Bayern Munique enfrentará na Allianz Arena um inimigo íntimo. Rival nas décadas de 1970 e 80, o Hamburg mostrou força depois de várias temporadas decepcionantes. Com a volta de Van der Vaart, a evolução de Son e a chegada de Rudnevs, os Roten passaram a ter bom potencial ofensivo. Nada que assuste a imponente e recordista defesa bávara. Alguns dizem que o Bayern vencerá com facilidade, mas milagres acontecem, tal qual o 4 a 1 do HSV diante do Dortmund, fora de casa em fevereiro.

Rayo Vallecano x Málaga
Sábado, 12h

Duas grandes surpresas na temporada espanhola certamente podem ser estes dois adversários do sábado, no estádio Teresa Rivero. Rayo Vallecano e Málaga tem muito em comum, a começar pelo escasso recurso financeiro para contratações. No caso dos Vallecas, a situação já era preocupante antes mesmo do acesso à elite. Pelo lado dos Boquerones, o abandono dos investidores quase quebrou o clube, que mesmo no vermelho tem feito campanha louvável na Liga dos Campeões e está outra vez no pelotão superior do campeonato espanhol. A riqueza não será uma das marcas no duelo em Madrid, mas certamente muita garra e dedicação estarão envolvidos.

Atlético de Madrid x Valencia
Domingo, 16h

Duas das maiores forças espanholas entrarão em campo no Vicente Calderón no penúltimo jogo da 29ª rodada de La Liga. Não, não estamos falando de Real e Barça. Atlético e Valencia foram dois dos únicos times do país (além La Coruña) que tiraram a hegemonia dos gigantes nas últimas duas décadas, representando a resistência no campeonato. Recentemente, os colchoneros perderam a segunda posição na tabela para o Real Madrid, que vem em escalada na competição. Já o Valencia, que começou muito mal, vai aos poucos se acertando e já está na zona dos que irão para a próxima Liga Europa. Não há nenhuma grande decisão em jogo, mas que é um embate interessante, sem sombra de dúvidas.

Nantes x Monaco
Sábado, 10h

Dois ex-concorrentes assíduos na Ligue 1, Nantes e Monaco hoje fazem papéis antes inimagináveis em seus tempos dourados, na década de 1990. Responsáveis por revelar grandes talentos do futebol francês, os dois duelam pela liderança da Ligue 2 e devem mesmo retornar à elite no próximo ano. Na frente, o Monaco acumula uma boa vantagem de 4 pontos e dois anos depois de seu rebaixamento, encontrou seu equilíbrio. Já o Nantes, campeão em 2001, transita entre as duas divisões desde 2007 e desde 2009 tenta retornar. Pelo caráter nostálgico, esse confronto ganha certa importância no fim de semana.

O reencontro

Paris Saint-Germain x Montpellier
Sexta-feira, 16h30

Na última temporada, o Montpellier levou o título francês durante a reta final, aproveitando de um vacilo dos parisienses, que dominaram o campeonato, mas escorregaram quando precisavam definir a conquista. Pois é, o tempo passa, o tempo voa, e agora o PSG desfruta de uma boa situação na tabela, contrastando com o Montpellier, que perdeu peças importantes de seu elenco e teve início turbulento. Já na sétima posição, os atuais campeões querem recuperar o prestígio doméstico e vão entrar com tudo para complicar a vida de Carlo Ancelotti e seus comandados.

Vale uma zapeada

Confira a programação de TV

Independiente x Boca Juniors
Domingo, 14h15

Independiente e Boca são os maiores vencedores de Copas na América do Sul. A tradição continental também se reflete no Campeonato Argentino, onde somados, juntam 46 títulos da primeira divisão. A tradição não tem ajudado muito o Rojo, que luta a cada rodada contra o descenso. Em sérias complicações, o Independiente precisa ocupar a parte de cima do Torneo Final para tentar escapar da degola. O Boca, por outro lado, está concentrado na Libertadores e também não fez uma boa largada no torneio. Em Avellaneda, o clima deve ser pesado em mais um capítulo da busca de ambos pela recuperação.

O cara

Robin Van Persie
Sunderland x Manchester United
Sábado, 09h45

Van Persie voltou a marcar gols. Autor de dois tentos diante da Romênia na terça-feira, pela seleção holandesa, o atacante do United foi um dos atletas que mais esteve em campo na Premier League. Fora de casa contra o Sunderland, uma boa chance para RVP retomar o seu potencial de goleador. A pressão do Stadium of Light não deve ser grande coisa para o matador dos Red Devils. Alguém aposta em mais de um gol?

O brasileiro

Hernanes
Lazio x Catania
Sábado, 11h

Hernanes continua sendo uma peça fundamental no esquema da Lazio na Serie A. O meia brasileiro se adaptou muito bem (tão bem que já fala português com sotaque italiano) ao time romano e jogando em casa diante do Catania, sua liderança terá papel decisivo para que os Águias cheguem a mais uma vitória. Sem poder vacilar mais no campeonato, a Lazio vai com tudo para cima do Catania e tem uma boa chance para se desvencilhar de quem vem logo atrás para tomar a vaga na próxima Liga Europa.

Passe longe

Wigan x Norwich
Sábado, 12h

Esta é a história de dois clubes que possuem objetivos distintos na tabela. O Norwich quer continuar com o tédio do meio da tabela, aquela situação que não leva a lugar nenhum, nem ao susto de estar perto do rebaixamento. O Wigan, um duro oponente do descenso, batalha para não cair e não será nenhuma surpresa se escapar e mandar o Aston Villa no seu lugar. A tarde de sábado no DW Stadium receberá um duelo que ainda não tem motivo para ser tenso, não tem grandes jogadores que possam alterar o resultado e muito menos uma rivalidade. Então o nosso conselho é que você evite assistir essa peleja, que provavelmente terminará em empate. Não perca seu tempo.