O aplauso irônico de Wayne Rooney lhe rendeu uma suspensão de dois jogos, imposta pela Uefa. O atacante ficará de fora das próximas partidas do Manchester United na Liga dos Campeões, contra Benfica e Lille.

Na estréia do torneio contra o Villarreal, Rooney recebeu um cartão amarelo do árbitro Kim Nielsen. Ele reagiu à punição batendo palmas de forma sarcástica. Pelo gesto, o juiz dinamarquês o expulsou.