A Alemanha virou sinônimo de futebol grandioso. O país que teve uma de suas piores gerações na virada do século se reorganizou, revelou talentos para todo lado, estruturou uma liga que serve de modelo no mundo, meteu 7 a 1 no Brasil numa semifinal de Copa no Mineirão e conquistou o tetra em cima da Argentina de Messi. Curiosamente, é a primeira vez que os alemães estão no topo desde a reunificação do país, oficalizada em outubro de 1990.

 

Continue lendo o tema da semana sobre os 25 anos da queda do muro de Berlim.