A Mediaset, grupo de mídia do primeiro-ministro italiano Silvio Berlusconi (e dono do Milan), ganhou a parada de tirou da RAI os direitos de transmissão dos ‘highlights’ (melhores momentos) da Série A no país.

Assim, a RAI será forçada – pelo menos durante esta temporada – a encerrar as transmissões do tradicionalíssimo ‘90o minuto’, programa que exibe os gols da rodada na Itália desde a década de 70. A oferta vencedora da Mediaset foi de quase €62 milhões.

A RAI se garantiu os direitos de transmissão da Copa Itália (cerca de €20 milhões) e dos direitos de rádio (€2 milhões por ano, até 2008). Não foram definidos ainda os destinos da transmissão da Série B, que além dos valores, terão como objeto de discussão também o espaço concedido à competição na programação da emissora vencedora.

O dinheiro conseguido com as duas transações – quase €90 milhões – superam amplamente os €60 milhões conseguidos na temporada anterior. O dinheiro das duas vendas (Copa Itália e ‘highlights’) será distribuído entre os clubes que estão fora da Liga dos Campeões.

Vale lembrar que os direitos de tranmissão da RAI para as transmissões internacionais (inclusive o Brasil) não são afetadas pela vitória da Mediaset, e o programa dominical de trasmissão do ´calcio´ deve ser mantido.