O Paris Saint-Germain suspendeu nesta terça o volante Vikash Dhorasoo. O jogador foi punido por conta das críticas feitas ao treinador Guy Lacombe na semana passada, em uma entrevista publicada no diário L’Équipe.

Segundo um comunicado oficial divulgado pelo clube, Dhorasoo foi chamado para uma reunião com Alan Cayzac, presidente do PSG, no início da próxima semana. Especula-se que o encontro marque a despedida do jogador da equipe.

“Sempre tive vontade de encerrar meu contrato com o PSG. Se devo pedir desculpas a alguém, seria somente ao treinador”, afirmou Dhorasoo em entrevista ao Canal +. O volante havia reclamado de Lacombe por ter ficado de fora da equipe nos últimos jogos e chamou o técnico de ‘mentiroso’. Sem espaço no time principal, Dhorasoo acabou na equipe B do PSG. Ele considerou o fato ‘uma humilhação’.

O volante já havia causado polêmica com Raymond Domenech. Convocado para disputar a Copa, Dhorasoo ficou a maior parte do tempo no banco de reservas. Ele filmou os bastidores da preparação dos Bleus e manifestou sua intenção de fazer um documentário com base nas imagens captadas. A proposta irritou o técnico.