O artista suíço David Diehl já havia trabalhado algumas vezes com ideias de adoração e veneração na sua carreira quando percebeu, em fotos dos anos 1970, que jogadores de futebol às vezes apareciam com posturas divinas, como as entidades sagradas de pinturas antigas. Com essa ideia, decidiu desenhar alguns ícones do esporte com uma aura divina, representada por um círculo dourado. A obra, pintada à óleo, demora três meses para ficar pronta, mas fica bem legal no final. Veja todas as que ele já fez aqui.

LEIA MAIS: E se as estrelas do Real Madrid fossem mais gordinhas?

Sócrates:

Sócrates divino

Zidane:

Zidane divino

Totti:

Totti divino

Cruyff:

Cruyff divino