Em meio aos boatos levantados pela imprensa alemã sobre uma possível transferência de Lukas Podolski, Karl-Heinz Rummenigge, presidente do Bayern de Munique, afirmou que o atacante continuará no clube. Segundo rumores, o jogador poderia ir para o Colônia.

“Não há qualquer questão de negociar Podolski com o Colônia. Conversei com presidente do clube para lhe dizer isso claramente. Esta é uma decisão definitiva”, afirmou o dirigente em entrevista coletiva.

Na sua edição desta quarta-feira, o diário sensacionalista Bild afirma que o atacante estaria de saída do Bayern de Munique. Rummenigge classificou a reportagem como ‘uma grande farsa’.

Para reforçar a permanência de Podolski, Jürgen Klinsmann, novo treinador do clube, elogiou o atleta. “Como Schweinsteiger, ele tem um grande potencial. É impressionante ver o que ele já viveu em 23 anos, mas Podolski ainda pode progredir. Só não posso garantir um lugar entre os titulares. Estamos em um dos dez maiores clubes do mundo; para cada posição, há três jogadores que podem atuar”, afirmou.

Podolski, artilheiro da seleção alemã na Eurocopa com três gols, manifestou seu descontentamento por ficar na reserva na equipe. Em 2007/08, ele disputou 25 partidas pelo Bayern na Bundesliga, com cinco gols marcados.