Pela primeira vez desde fevereiro, o Schalke 04 voltou a experimentar o que é uma vitória – mas com sofrimento

O Schalke 04 continua sem saber o que é vencer pela Bundesliga. O recorde negativo do clube se amplia desde o início do ano, com 22 rodadas consecutivas em jejum. No entanto, a Copa da Alemanha serviu de alívio aos Azuis Reais nesta terça-feira. Em duelo adiado pela primeira fase do torneio nacional, o Schalke ao menos fez sua parte na Veltins Arena. A equipe goleou por 4 a 1 o Schweinfurt, da quarta divisão, num placar que oculta a dose de sofrimento em Gelsenkirchen. Foi o primeiro triunfo do clube desde 4 de fevereiro.

O Schalke deveria ter estreado na Copa da Alemanha em setembro, mas o jogo seria adiado por conta de uma disputa judicial para definir o representante regional da Baviera na competição. Depois do imbróglio, o Schweinfurt venceu a queda de braço com o Türkgücü Munique. Mas não que o time viesse de um bom momento, com três partidas sem vencer. E deu a lógica, por mais torta que seja, com a goleada dos Azuis Reais.

Para vencer, porém, o Schalke precisou de um susto. O Schweinfurt dominou a partida durante os primeiros minutos, com o goleiro Ralf Fährmann adiando a catástrofe. Os anfitriões mal passavam do meio do campo. Assim, Martin Thomman abriu o placar aos visitantes com 37 minutos, numa bonita jogada individual. Os Azuis Reais ao menos viraram antes do intervalo. Vedad Ibisevic empatou dois minutos depois, enquanto Alessandro Schöpf anotou o segundo aos 44. Já no segundo tempo, o Schweinfurt poderia ter empatado, mas Fährmann pegou um pênalti. Demorou para que a goleada realmente tomasse forma. O terceiro, de Schöpf, saiu aos 36, enquanto Benito Raman encerrou a contagem num contragolpe aos 41.

A última vitória do Schalke 04 tinha acontecido na própria Copa da Alemanha, ao eliminar o Hertha Berlim em fevereiro, antes da queda diante do Bayern de Munique nas quartas de final. Já na Bundesliga, o último triunfo aconteceu em 17 de janeiro, diante do Borussia Mönchengladbach. Os Azuis Reais empataram em duas das últimas três rodadas pela liga. E a vitória precisará vir no próximo sábado, quando o time visita o lanterna Mainz 05, que sequer pontuou nesta temporada. Será a melhor oportunidade para encerrar a série negativa.