A venda de Cristiano Ronaldo para o Real Madrid não alterou a relação do Manchester United com o seu novo patrocinador, a seguradora norte-americana Aon. Nesta sexta, a empresa anunciou que não alterará nada no contrato firmado com o clube inglês, na semana passada.

O porta-voz da organização, David Prosperi, apregoou: “Nosso acordo é com o Manchester United, não trata de jogadores, mas sim de franquias e da marca. Notícias como esta não afetam o negócio em nada.”

O contrato da Aon com o Manchester United foi fechado por 23 milhões de euros, e começará a vigorar a partir do início da temporada 2010/11. Até lá, a seguradora AIG continua patrocinando o clube.