Futebol não é ciência exata, então é normal que não exista unanimidade quando o assunto é quem é o melhor do mundo. A disputa sem fim entre Messi e Cristiano Ronaldo certamente estará na boca dos fãs da dupla enquanto o argentino e o português estiverem em grande fase, mas para Raúl, um dos maiores ídolos da história do Real Madrid, o craque do Barcelona é incomparável. Mesmo em relação a outras lendas com quem o ex-camisa 7 jogou no Santiago Bernabéu.

VEJA TAMBÉM: Messi virou o Homem de Ferro em vídeo promocional dos Vingadores

Em entrevista ao jornal AS nesta quinta-feira, Raúl comentou sua ida para o New York Cosmos, falou sobre a temporada que o Real Madrid vive, apontou Maldini e Oliver Kahn como melhores zagueiro e goleiro que enfrentou, respectivamente, mas foi mesmo a pergunta final do pingue pongue que roubou todos os holofotes. Questionado sobre qual o melhor atleta que já enfrentou, reconheceu que foi Messi, como seria previsível, mas na hora de explicar sua escolha descreveu o craque do Barcelona de uma maneira que dificilmente esperaríamos de alguém com tamanha história no arquirrival dos culés.

“Tenho a sorte de ter jogado com Zidane, Ronaldo, Figo, Cristiano… Mas o Messi é muito diferente. Faz tudo parecer fácil, até o impossível. Você o vê jogar e é como se estivesse na rua jogando com amigos. Incrível. Mas no início de minha carreira, diria que foram Roberto Baggio e Ryan Giggs”, afirmou Raúl.

O ídolo madridista pareceu muito claro em sua resposta, então nas próximas centenas de vezes em que for questionado por causa dessa declaração, terá de arquitetar uma bela justificativa para tirar a imprensa de seu pé. Se declarar que Messi é melhor que Cristiano Ronaldo já seria motivo para controvérsias e troca de provocações entre os torcedores, imagine colocando na comparação todos esses ídolos da história recente do Real Madrid?