Assim como a maioria absoluta dos países do norte da África, a Argélia conta com um clássico caloroso e apaixonado. USM Alger e MC Alger formam o principal dérbi da capital, disputado desde 1940, antes mesmo da independência da antiga colônia francesa. Rivalidade que se renova ano a ano, lotando o Estádio 5 de julho. Neste sábado, os gigantes locais fizeram o primeiro duelo de 2017. Mais de 60 mil estiveram presentes nas arquibancadas. E proporcionaram um espetáculo antes mesmo que a bola rolasse.

A torcida do USM marcou território com mosaico e fumaça vermelha, além de dezenas de bandeiras. Desta vez, entretanto, ficaram aquém dos rivais no show. Os fanáticos pelo MC trouxeram bandeirões com as Sete Maravilhas do Mundo Antigo, se colocando como a oitava. Depois, coloriram as tribunas com um mosaico gigantesco em verde e vermelho suas cores. Já quando a bola rolou, prevaleceu a igualdade: empate por 2 a 2, com os quatro gols saindo antes dos 25 minutos do primeiro tempo. O MC é o terceiro colocado no Campeonato Argentino, com os mesmos 35 pontos do USM, na quarta posição. Ambos estão a seis pontos do líder Setif.